Jump to content

Sem aportes da Variglog, Varig pode parar de voar


LipeGIG

Recommended Posts

Valor Econômico - 07.07.2006

Sem aportes da Variglog, Varig pode parar de voar

Janaina Vilella

 

Os credores da Varig estão receosos de que o aporte emergencial de até US$ 20 milhões previsto pela VarigLog, ex-subsidiária de transporte de cargas e logística da Varig, não seja suficiente para manter as operações da aérea até a definição da data de um novo leilão. Na avaliação de fontes que acompanham o processo, os recursos só manteriam a empresa voando até o dia 14. O Valor apurou, no entanto, que dificilmente a VarigLog fará uma nova injeção de capital na companhia em função do risco da operação.

 

A ex-subsidiária fez uma proposta de US$ 485 milhões pela Varig. O documento, no entanto, ainda precisa ser aprovado pelos credores, em assembléia sem data definida. De 26 de junho até ontem, cerca de US$ 9 milhões já haviam sido depositados no caixa da Varig. Caso a VarigLog não vença o leilão, o ganhador terá de ressarcir a ex-subsidiária deste investimento inicial acrescido de multa de 10%.

 

O atraso na entrega do detalhamento da proposta levou o juiz da 8ª Vara Empresarial do Rio a cancelar o leilão, previsto para o dia 12, assim como a assembléia de segunda-feira. O documento terá que ser analisado pelo Ministério Público do Rio e pela administradora judicial da aérea, a Deloitte. Ayoub aguarda os pareceres para divulgar sua avaliação sobre a proposta. O documento também terá que passar pelo crivo dos credores.

 

Apesar dos credores questionarem pontos da proposta entregue à Justiça, temem que a demora no processo acabe por levar a aérea à falência. Segundo eles, não é mais possível adiar a assembléia e modificar a proposta de acordo com o questionamento de cada classe de credor. "Temos que chegar a um denominador comum, e rápido", disse o representante de um grande credor.

 

"Estamos apreensivos porque o leilão foi adiado. Será que a VarigLog vai oferecer mais dinheiro?", questionou o presidente da VEM Manutenção e Engenharia, Evandro Braga de Oliveira. Ele preferiu aguardar um posicionamento da VarigLog antes de anunciar se pretende suspender o serviço de manutenção aos aviões da Varig, caso a companhia pare de pagar.

 

Segundo uma fonte, o detalhamento financeiro da proposta da VarigLog levou à Varig a ter que alterar o plano de recuperação judicial, principalmente no que diz respeito ao cronograma de pagamento aos credores. Uma das mudanças seria o alargamento desses prazos. A nova oferta da Varig prevê um aporte de R$ 277 milhões na Varig antiga, o que vai gerar um fluxo de caixa diferente do previsto no plano original de recuperação da aérea. (Colaborou Ana Paula Grabois, do Valor Online)

Link to comment
Share on other sites

Existem materias, as quais, são chatas de ler.

Isso já é claro, de que sem esse aporte, Varig já teria parado.

Agora a mídia fica criando materia com repetição, vejam que

toda materia referente Varig, por menor que seja o assunto,

o reporte sempre colocar toda historia desde o inicio da recupeção

judicial passando pelo leilão até o presente momento.

Link to comment
Share on other sites

Archived

This topic is now archived and is closed to further replies.

Guest
This topic is now closed to further replies.
×
×
  • Create New...

Important Information

Saiba os termos, regras e políticas de privacidade