Jump to content

Anac obriga Varig a informar malha aérea imediatamente


-GustavoK-

Recommended Posts

Fonte: INVERTIA

 

 

A Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) informou nesta segunda-feira que a Varig está obrigada a informar imediatamente quais vôos irão operar no País e no exterior. Caso não o faça, a própria agência ficará encarregada de definir as rotas da aérea com as aeronaves que estiverem disponíveis durante o período de emergência.

 

A expectativa, no entanto, era de que a agência anunciasse alguma punição à Varig, já que a empresa cancelou vôos na semana passada sem a autorização da Anac.

 

Segundo a agência, a Varig foi informada da decisão às 18 horas de hoje. A questão foi discutida nesta segunda-feira durante reunião que durou cerca de quatro horas e meia. A diretoria do órgão informou ter recebido do presidente da Varig, Marcelo Bottini, um ofício que garantia a acomodação dos passageiros.

 

Segundo o documento, os clientes "em trânsito" receberão acomodação nas companhias aéreas concorrentes, desde que haja lugares disponíveis nos aviões. A aérea também se compromete a oferecer refeições aos passageiros no caso de espera acima de quatro horas e disponibilizar acomodação em hotéis, caso não haja vôo no mesmo dia.

 

"Os passageiros que ainda não iniciaram viagem (na origem) serão avisados por call center da Varig sobre o cancelamento dos vôos", afirma o texto. Segundo a Varig, esses clientes serão acomodados futuramente conforme disponibilidade em classe de reserva especial em vôos regularmente operados pela Varig. "Caso não exista vôo regular operado pela Varig, os bilhetes existentes serão aproveitados, conforme política a ser definida brevemente", explica a nota.

 

A Anac informou também que no caso de vouchers da Varig não aceitos por empresas de alimentação e de hotelaria, os passageiros devem pagar suas despesas e guardar as notas e recibos de embarque, para pedir posterior ressarcimento à Varig.

 

A agência também declarou não considerar prioritário o pedido da Varig para realizar vôos na ponte aérea, pois, segundo a Anac, essas rotas não estão em situação de emergência.

Link to comment
Share on other sites

Archived

This topic is now archived and is closed to further replies.

Guest
This topic is now closed to further replies.
×
×
  • Create New...

Important Information

Saiba os termos, regras e políticas de privacidade