Jump to content

Acidente em Ponta Grossa


Marcelo Senna

Recommended Posts

Um avião de pequeno porte caiu por volta das 10h30 desta quarta-feira (5) em uma fazenda localizada no bairro Cara-Cará, em Ponta Grossa, na região dos Campos Gerais. Com a queda, o piloto da aeronave, Paulo Cézar Duarte, de 51 anos, morreu na hora.

 

De acordo com o Corpo de Bombeiros da cidade, os outros dois ocupantes, o empresário Ronaldo Lopes Canteiro, de 57 anos, e sua filha Renata Canteiro, de 29, foram atendidos pelo Siate e encaminhados para o hospital.

 

Canteiro é presidente da Embaquim, uma fabricante de máquinas e embalagens para produtos líquidos e pastosos, localizada em Ipiranga, no estado de São Paulo. Tanto ele quanto Renata estavam conscientes quando foram atendidos pelos bomeiros, mas apresentavam ferimentos graves. Canteiro teve trauma de face, tórax, abdome e provável fratura na perna, e apresentava dificuldades de respirar no momento do atendimento. Renata teve trauma de crânio, um corte na cabeça e reclamava de dor na coluna. Os dois foram encaminhados ao Hospital Bom Jesus.

 

O avião, um monomotor modelo Piper Comanche C, partiu de São Paulo e se dirigia a Carambeí, município vizinho de Ponta Grossa. O local da queda, a Fazenda Nidera Sementes, fica a cerca de um quilômetro de distância do Aeroporto Sant’Ana, que é utilizado apenas para vôos particulares.

 

Gregory Senger, instrutor do aeroclube da cidade, presenciou o acidente. Ele conta que viu a aeronave entrar no circuito de pouso do aeroporto sem pedir permissão pelo rádio. Senger lembra que ouviu um barulho no motor, que indicava uma possível pane. “O avião entrou na cabeceira errada da pista, onde havia outra aeronave, e teve que retomar altura”, diz. “Se ele houvesse avisado pelo rádio que ia pousar, a aeronave que estava na pista poderia ter saído”, afirma.

 

O avião tentou então dar meia volta e pousar no circuito correto, mas acabou não conseguindo altura suficiente, segundo Senger. “Deu para perceber então que ele tentou procurar um lugar descampado, e o local mais próximo é a fazenda”, diz o instrutor.

 

Alisson Margraf, outro instrutor do aeroclube, chegou a contatar Duarte, o piloto, pouco antes da queda. Ele diz que percebeu que a aeronave entrou no circuito errado e acionou Duarte pelo rádio, mas o piloto não respondia.

 

No final da manhã, técnicos do Instituto de Criminalística da cidade estavam no local da queda para analisar as causas do acidente. Peritos do Serviço Regional de Investigação e Prevenção de Acidentes Aeronáuticos (Seripa V) devem ir até a cidade para participar das investigações.

 

Fonte www.gazetadopovo.com.br

Link to comment
Share on other sites

Apenas complementando:

 

"Mais um ocupante do avião de pequeno porte que caiu na manhã desta quarta-feira (5) em Ponta Grossa, na região dos Campos Gerais, morreu por volta das 11h45. O empresário Ronaldo Lopes Canteiro, de 57 anos, chegou ao hospital com múltiplas fraturas no crânio e no tórax. Ele não resistiu aos ferimentos e morreu no ambulatório do hospital Bom Jesus. Sua filha, Renata Canteiro, de 29, está internada na Santa Casa de Misericórdia e passa bem."

 

Fontes e fotos:

http://portal.rpc.com.br/jl/online/conteud...825026&tit=

http://jornale.com.br/index.php?option=com...3&Itemid=53

 

 

Triste, e aliás, o segundo que cai em uma semana no Paraná hein...

Link to comment
Share on other sites

Eu tive a oportunidade de conhecer o Coronel Paulo em Atibaia uma vez, ele voava Xavante e tudo mais...

Ele com o PT-DON fez uma das passagens baixas mais bonitas que já ví na vida...

Aviadores não morrem, vão pilotar aeronaves melhores!

Que Deus o tenha!

 

Link to comment
Share on other sites

q merd. cara. tava lá em pg esses dias voando, local cheio de campo cara.. pô, que mer... muito triste, nossa, sério muito triste. agora, pq será que se ele, realmente estava com pane de motor, não pousou na faixa de grama ao lado da pista? melhor que pousar fora.. de trem recolhido dava. ou até de trem em baixo mesmo, quebrava e ajudava a parar. vai saber o que se passou, sinto muito pelo ocorrido e ainda mais sendo em pg, lugar que me trás ótimas recordações... triste....

Link to comment
Share on other sites

"Gregory Senger, instrutor do aeroclube da cidade, presenciou o acidente. Ele conta que viu a aeronave entrar no circuito de pouso do aeroporto sem pedir permissão pelo rádio. Senger lembra que ouviu um barulho no motor, que indicava uma possível pane. “O avião entrou na cabeceira errada da pista, onde havia outra aeronave, e teve que retomar altura”, diz. “Se ele houvesse avisado pelo rádio que ia pousar, a aeronave que estava na pista poderia ter saído”, afirma.

 

O avião tentou então dar meia volta e pousar no circuito correto, mas acabou não conseguindo altura suficiente, segundo Senger. “Deu para perceber então que ele tentou procurar um lugar descampado, e o local mais próximo é a fazenda”, diz o instrutor."

 

Fonte: http://portal.rpc.com.br/jl/online/conteud...825026&tit=

Link to comment
Share on other sites

Archived

This topic is now archived and is closed to further replies.

Guest
This topic is now closed to further replies.
×
×
  • Create New...

Important Information

Saiba os termos, regras e políticas de privacidade