Jump to content

Aviação Comercial: Setor projeta crescer 6% em 2009


Carlos Augusto

Recommended Posts

Fonte: Gazeta Mercantil, 12/11/2008 (Caderno C; pág.4)

 

Reportagem: Ana Paula Machado

 

Assim como em outros setores da economia, a aviação comercial no Brasil, terá tempos turbulentos no próximo ano. Diferentemente dos últimos anos, quando o crescimento do transporte de passageiros foi acima de dois dígitos, em 2009, as duas maiores companhias brasileiras, TAM e Gol, já estimam uma desaceleração, com elevação entre 5% a 8% no volume de passageiros transportados. Para a Gol, a estimativa para 2009 é que o mercado doméstico deverá crescer cerca de 6%. Já a TAM, líder no mercado, estima aumento de até 8% no número de passageiros transportados no próximo ano.

 

Desde 2004, o setor não experimenta um crescimento menor que dois dígitos. A alta do petróleo e logo depois a crise econômica mundial, refletiram diretamente nas companhias, que tiveram que reajustar tarifas para não apresentarem perdas maiores. Normalmente, a aviação comercial utiliza como base o aumento do Produto Interno Bruto (PIB) para definir as estimativas de crescimento. Segundo cálculos do setor, a média de elevação de passageiros transportados é de duas vezes o PIB.

 

Este ano , as companhias seguem essa tendência e estimam crescimento do mercado doméstico de 10% sobre o volume de passageiros transportados em 2007. Até outubro, segundo a Agência Nacional de Aviação Civil (Anac), a elevação foi de 9%. Os últimos dois meses do ano são normalmente fortes para a aviação civil.

 

Segundo dados da Anac, de janeiro a outubro, as companhias transportaram 39,57 bilhões de passageiros quilômetros voados (paxkm), aumento de 8,62% em relação ao mesmo período do ano passado, quando o volume foi de 36,43 bilhões paxkm. A oferta de assentos nas companhias nos dez primeiros meses deste ano cresceu 13,06%, passando de 53,29 bilhões asskm para 60.25 bilhões asskm.

 

Nos vôos domésticos, a TAM manteve a liderança ao alcançar market share de 51,8% no mês passado, 5,4 pontos percentuais acima do obtido em outubro de 2007. No acumulado dos dez primeiros meses do ano, o market share da companhia no mercado doméstico foi de 50,3% - 1,5 ponto percentual superior ao patamar alcançado no mesmo período de 2007. A taxa de ocupação nos vôos domésticos foi de 65% em outubro, acima da média de 62% registrada pela indústria de aviação civil no país.

 

 

Link to comment
Share on other sites

Archived

This topic is now archived and is closed to further replies.

Guest
This topic is now closed to further replies.
×
×
  • Create New...

Important Information

Saiba os termos, regras e políticas de privacidade