Jump to content

Infraero nega pedido de demissão de Gaudenzi


lylyanna

Recommended Posts

airplane.jpg News Release

 

Infraero nega pedido de demissão de Gaudenzi

 

Em meio a rumores de que Sérgio Gaudenzi estaria prestes a deixar a presidência da Infraero, a assessoria da estatal responsável por administrar 68 dos principais aeroportos brasileiros voltou ontem a negar que ele tenha apresentado pedido de demissão ao ministro da Defesa, Nelson Jobim. Embora boatos sobre a substituição de Gaudenzi sejam uma constante desde que, em agosto de 2007, Jobim o convidou a deixar o comando da Agência Espacial Brasileira para assumir a Infraero, a hipótese ganhou força após o próprio Gaudenzi declarar não ser a pessoa indicada para conduzir um eventual processo de privatização de aeroportos.Por meio de sua assessoria, o Ministério da Defesa informou não estar tratando da possível saída de Gaudenzi ou de qualquer outro diretor da estatal. Segundo a assessoria, o estudo sobre a privatização de aeroportos é uma orientação do governo e pôr o cargo à disposição por discordar do processo é uma questão de foro pessoal que não compete ao ministério comentar.

 

 

JetSite
Link to comment
Share on other sites

20/11 - 20:45

AVIAÇÃO: Infraero nega pedido de demissão de Gaudenzi

 

SÃO PAULO, 20 de novembro de 2008 - Em meio a rumores de que Sérgio Gaudenzi estaria prestes a deixar a presidência da Empresa Brasileira de Infra-Estrutura Aeroportuária (Infraero), a assessoria da estatal responsável por administrar 68 dos principais aeroportos brasileiros voltou hoje a negar que ele tenha apresentado pedido de demissão ao ministro da Defesa, Nelson Jobim.

 

Embora boatos sobre a substituição de Gaudenzi sejam uma constante desde que, em agosto de 2007, Jobim o convidou a deixar o comando da Agência Espacial Brasileira para assumir a Infraero, a hipótese ganhou força após o próprio Gaudenzi declarar não ser a pessoa indicada para conduzir um eventual processo de privatização de aeroportos.

 

Desde junho deste ano, quando o governador do Rio de Janeiro, Sérgio Cabral, defendeu que a gestão do Aeroporto Internacional Antônio Carlos Jobim, o Galeão, fosse transferida para o governo estadual, Gaudenzi tem dito ser contrário à privatização dos poucos aeroportos lucrativos administrados pela Infraero. No início deste mês, no entanto, ele foi além, declarando que não lhe resta outra saída senão colocar seu cargo à disposição caso o governo opte por conceder os aeroportos à iniciativa privada.

 

'Se o caminho vai por esse lado, eu me sinto, no mínimo, na obrigação de por o cargo à disposição. O governo vai ver o que quer. Eu tenho uma posição e não recuo, porque acho que estou certo. Então eu deixo isso aí ao presidente [Luiz Inácio Lula da Silva], ao ministro [da Defesa, Nelson Jobim], tranqüilamente', declarou.

 

Depois do episódio, começaram a surgir na imprensa os nomes de possíveis substitutos de Gaudenzi, quase todos ligados ao PMDB, caso do engenheiro Rogério Luiz Zeraik Abdalla e do atual diretor de operações dos Correios, Marco Antônio Marques de Oliveira.

 

Hoje, Abdalla confirmou à Agência Brasil ter sido sondado para ocupar um cargo na diretoria da estatal, mas negou que tenham lhe oferecido a presidência da empresa. Ele diz ter recusado o convite para continuar chefiando a assessoria da presidência da Companhia Nacional de Abastecimento (Conab), mas confirmou o interesse do PMDB no posto ao afirmar que 'com certeza, o partido irá indicar alguém que tenha sinergia com o ministro Nelson Jobim e que tenha conhecimento sobre o assunto'.

 

A assessoria de imprensa da Infraero amenizou as declarações do presidente da estatal. 'Ele disse apenas que estava deixando sua posição clara, ou seja, que não era a favor da privatização e sim da abertura de capital da empresa. Questionado se sairia por conta da privatização, ele afirmou que esta é uma decisão que não compete a ele, mas que se isso ocorrer, seu cargo sempre esteve à disposição por ser de livre nomeação e de confiança do governo'.

 

As informações são da Agência Brasil. (Redação - InvestNews)

 

Fonte: Ag. Brasil, via Gazeta Mercantil.

http://www.gazetamercantil.com.br/GZM_News...=2195879,45,1,1

Link to comment
Share on other sites

Archived

This topic is now archived and is closed to further replies.

Guest
This topic is now closed to further replies.
×
×
  • Create New...

Important Information

Saiba os termos, regras e políticas de privacidade