Jump to content

Embraer vende oito aviões Super Tucano para a República Dominicana


lylyanna

Recommended Posts

lgo_embraer_rodape-1.gif News Release

 

 

EMBRAER VENDE OITO AVIÕES SUPER TUCANO PARA A REPÚBLICA DOMINICANA

 

Aeronaves serão utilizadas em missões de patrulhamento de fronteiras e combate ao narcotráfico

 

São José dos Campos, 9 de janeiro de 2009

A Embraer confirma a venda de oito aeronaves

Super Tucano para o governo da República

Dominicana, com efetivação do contrato no

final do ano passado. Os aviões serão operados

pela Força Aérea do país em missões de

segurança interna e patrulhamento de fronteiras,

em um cenário de operações de combate ao

narcotráfico. Este contrato representa a terceira

exportação da bem-sucedida aeronave, após as

vendas para as Forças Aéreas da Colômbia (FAC)

e do Chile (FACH).

 

A escolha da Força Aérea da República Dominicana vem confirmar a extrema versatilidade,

associada ao bom desempenho, tanto para treinamento como para missões operacionais, e aos

baixos custos de aquisição, operação e manutenção, tornando o Super Tucano um dos

melhores aviões multimissão disponíveis no mercado.

 

Até a presente data, 63 unidades do Super Tucano já foram entregues à Força Aérea

Brasileira (FAB) e 25 à FAC, utilizadas com sucesso na vigilância de fronteiras e em

outras missões operacionais. No total, 144 aviões foram vendidos para quatro clientes na

América Latina.

 

A FAC recebeu o 25º Super Tucano em agosto do ano passado, marcando o encerramento das

entregas iniciadas em dezembro de 2006 para este cliente. Tal contrato, que incluiu um

avançado sistema de treinamento e suporte à operação com estações em solo denominado

TOSS (Training and Operation Support System), representou a primeira exportação dessa

aeronave. O acordo com a FACH para a venda de 12 aeronaves também foi anunciado pela

Embraer em agosto de 2008.

 

O Super Tucano entrou em operação na FAB em dezembro de 2003 para ser empregado tanto

no treinamento de pilotos como para executar missões operacionais. Esta capacidade coloca o

Super Tucano como a única aeronave em produção no mundo capaz de cumprir missões de

treinamento avançado de pilotos e realizar missões de vigilância e contra-insurgência, inclusive

à noite, com o auxílio de óculos de visão noturna e sensores eletro-ópticos e infravermelhos.

 

Sobre o Super Tucano

 

O Super Tucano constitui uma inovadora evolução do bem-sucedido avião de treinamento básico

Tucano, que conta com cerca de 650 unidades em serviço em 15 forças aéreas no mundo inteiro.

O Super Tucano foi projetado para operar nos cenários mais complexos de combate, incluindo

a funcionalidade de visão noturna, armamento inteligente e tecnologia de enlace de dados

(data link, em inglês). Além de uma estrutura reforçada para operações em pistas não

preparadas, o Super Tucano conta com um avançado e preciso sistema de navegação e

pontaria de armas que lhe garante alta precisão e confiabilidade na realização de missões,

mesmo em condições extremas e sem apoio logístico.

 

A fabricação da aeronave prossegue em ritmo acelerado segundo linha de produção ativa e

flexível, condizente com a capacidade da Embraer de atender as necessidades de seus clientes

e entregar aeronaves em prazos curtos. Um item muito importante para o ciclo de vida

operacional da aeronave é a existência de um sistema amplo, eficiente e confiável de suporte

logístico distribuído pelo mundo, apoiando aeronaves que voam em cinco continentes.

 

No segmento de Defesa e Governo, tal sistema apóia 650 aviões Tucano, 250 Bandeirante e

várias outras aeronaves em mais de 20 forças aéreas. Em termos da aviação comercial, a

Embraer fornece suporte para mais de mil jatos regionais da família ERJ 145 e 500 E-Jets

(família de jatos com capacidade para 70 a 122 assentos) no mundo.

 

 

Copyright © 2008 Embraer S.A. Todos os direitos reservados
Link to comment
Share on other sites

tomcat.jpg florence-airports-1.jpg airport-1.jpg

Aviation News Release

 

 

Embraer confirms Super Tucano sale to Dominican Republic

 

By Craig Hoyle

 

Embraer has confirmed the signature of a long-planned purchase by the Dominican Republic of eight EMB-314 Super Tucano light attack aircraft. The deal was finalised "at the end of last year", according to the Brazilian manufacturer.

 

The new aircraft will be used for internal security and border patrol missions, says Embraer, which had been expecting to sign the deal since mid-2007.

 

The armed Super Tucanos will provide a new capability for the Dominican air force, which has a current frontline inventory of EADS Casa C-212 fixed-wing transports and Bell OH-58 scout and UH-1H transport helicopters, according to Flight's MiliCAS and HeliCAS databases.

 

Previous export customers for the EMB-314 are Chile (12) and Colombia (25). Launch operator the Brazilian air force has also so far taken delivery of 63 Super Tucanos, according to Embraer.

 

 

fint-article-stamp.gif

 

© Reed Business Information 2009

Link to comment
Share on other sites

Parabéns a Embraer...

 

Aos poucos o Super-Tucano vai mostrando a todos que não foi um fracasso de mercado.... apesar de ter sido desenhado para atender a requisitos da FAB...

 

Fracasso de mercado com alguns adoravam dizer.

 

Sds,

EMB-312

Link to comment
Share on other sites

Archived

This topic is now archived and is closed to further replies.

Guest
This topic is now closed to further replies.
×
×
  • Create New...

Important Information

Saiba os termos, regras e políticas de privacidade