Jump to content

Anac começa a receber os pedidos de voos para o Aeroporto Santos Dumont


Approach-Air

Recommended Posts

As companhias aéreas já podem começar a encaminhar para a Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) pedidos de voos para o Aeroporto Santos Dumont, sem restrições de destino. Ontem (12/03), durante a reunião da Comissão de Coordenação de Linhas Aéreas Regulares (Comclar ) foi definido o critério de sorteio entre as empresas interessadas, de forma que todas tivessem a oportunidade de operar no aeroporto e não houvesse concentração de mercado, prejudicando os consumidores. Dez companhias demonstraram interesse em novos voos: Tam, Gol/Varig, Webjet, OceanAir, Azul, Trip, NHT, Pantanal, Passaredo e Air Minas.

 

A partir do recebimento dos pedidos, os voos podem ser aprovados no prazo máximo de 30 dias. Uma vez concedido o Horário de Transporte (Hotran), a companhia aérea tem a autorização de iniciar as vendas de bilhetes. As rotas pretendidas fazem parte da estratégia comercial das empresas e serão divulgadas pelas companhias.

 

A remoção de restrições de destino no Aeroporto Santos Dumont foi possível graças à revogação da Portaria nº 187/DGAC, na semana passada. A Anac somente irá autorizar voos dentro da capacidade operacional do aeroporto e respeitando todas as normas de segurança.

 

http://www.mercadoeeventos.com.br/script/F...amp;IndSeguro=0

Link to comment
Share on other sites

  • Replies 127
  • Created
  • Last Reply
As companhias aéreas já podem começar a encaminhar para a Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) pedidos de voos para o Aeroporto Santos Dumont, sem restrições de destino.

 

 

Êta lele...

 

 

Pessoal, fiquem de olhos bem abertos aí e nos avisem os pedidos... a porteira foi aberta! :bump:

 

 

Abraço!

Link to comment
Share on other sites

Mas a NHT já não poderia estar voando pra lá há muito tempo? Pq deixaram pra agora que liberou geral, que vai ser mais difícil conseguir slot?

Muito bizarro isso?

Link to comment
Share on other sites

Sim, já poderia, mas como ela poderia oferecer algo com o GIG forte ?

 

Com o enfraquecimento do GIG, existe uma chance maior de sucesso no SDU do que antes, uma vez que haverá forte migração sem necessidade de propaganda.

Antes você teria que desenvolver inteiramente a rota e a demanda... agora, graças a ANAC, a demanda vai toda pra lá por decreto.

 

 

Link to comment
Share on other sites

Ah por favor .. NHT? Só se eles estiverem planejando um upgrade bom na empresa. O que eles podem fazer operando LET-410, que hoje estão isolados lá no sul? Ainda mais com a idéia da Azul de operar vôos como SDU-NVT (se é que essa idéia permanece). E a Pantanal, quer voar o que, ponte?

 

Abraço

Link to comment
Share on other sites

As companhias aéreas já podem começar a encaminhar para a Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) pedidos de voos para o Aeroporto Santos Dumont, sem restrições de destino. Ontem (12/03), durante a reunião da Comissão de Coordenação de Linhas Aéreas Regulares (Comclar ) foi definido o critério de sorteio entre as empresas interessadas, de forma que todas tivessem a oportunidade de operar no aeroporto e não houvesse concentração de mercado, prejudicando os consumidores. Dez companhias demonstraram interesse em novos voos: Tam, Gol/Varig, Webjet, OceanAir, Azul, Trip, NHT, Pantanal, Passaredo e Air Minas.

 

A partir do recebimento dos pedidos, os voos podem ser aprovados no prazo máximo de 30 dias. Uma vez concedido o Horário de Transporte (Hotran), a companhia aérea tem a autorização de iniciar as vendas de bilhetes. As rotas pretendidas fazem parte da estratégia comercial das empresas e serão divulgadas pelas companhias.

 

A remoção de restrições de destino no Aeroporto Santos Dumont foi possível graças à revogação da Portaria nº 187/DGAC, na semana passada. A Anac somente irá autorizar voos dentro da capacidade operacional do aeroporto e respeitando todas as normas de segurança.

 

http://www.mercadoeeventos.com.br/script/F...amp;IndSeguro=0

 

Qual será a rota da Pantanal

Link to comment
Share on other sites

Sim, já poderia, mas como ela poderia oferecer algo com o GIG forte ?

 

Com o enfraquecimento do GIG, existe uma chance maior de sucesso no SDU do que antes, uma vez que haverá forte migração sem necessidade de propaganda.

Antes você teria que desenvolver inteiramente a rota e a demanda... agora, graças a ANAC, a demanda vai toda pra lá por decreto.

 

LipeGIG, apesar de não concordar, eu entendo perfeitamente seus argumentos e sua posição contra a abertura do Santos Dumont.

Porém por decreto estava a demanda no GIG.

Agora existe liberdade de escolha.

No GIG era por decreto.

Link to comment
Share on other sites

LipeGIG, apesar de não concordar, eu entendo perfeitamente seus argumentos e sua posição contra a abertura do Santos Dumont.

Porém por decreto estava a demanda no GIG.

Agora existe liberdade de escolha.

No GIG era por decreto.

 

Também penso assim. Se o GIG precisa de decreto para ser utilizado, pax nao tem culpa. Vejo que agora, o decreto foi derrubado e existirá liberdade de escolha, afinal, por decreto as cias nao podiam oferecer voos no SDU, agora podem escolher se vao para o GIG ou SDU, assim como os pax.

Link to comment
Share on other sites

as aeronaves tem que respeitar um limite de peso p decolagem que se n me engano é algo entre 59 e 60 tons, se vc conseguir operar um A320 e um 738 vazios o suficiente para pesarem somente isso pode operar, só acho que n seria rentável.

 

Um E190 consegue voar cheio, o E195 já n consegue, um A319 e 737 devem ser ainda mais restritos que o E195, e os A320 e 738 nem se falam....

Link to comment
Share on other sites

Ufa, finalmente!

Chega de anabolizar o GIG... anabolizante é coisa para os maromba da orla, não para aeroporto.

 

?

Link to comment
Share on other sites

Ufa, finalmente!

Chega de anabolizar o GIG... anabolizante é coisa para os maromba da orla, não para aeroporto.

 

Acho que está mais para "máscara de oxigênio" do que "anabolizante"

Link to comment
Share on other sites

Enquanto as agencias reguladoras não tiverem postura adequada a função. Infelizmente estaremos sujeito a pressões($$) de empresas que querem ganhar a coisa no grito e com "facilidades". Ninguem quer ter muito trabalho em alternativas que não são paliativas.

Como foi debatido em varios foruns estamos retrocedendo.

É inegável o crescimento de GIG , CNF depois de 2005 . Mas agora estamos voltando a aquela situação que é bastante comoda de colocar 999 voos em CGH , SDU e deixar pra pensar em 2050 sobre a ampliação estratégica que requer as operações aeroportuárias.

CGH está mais do que saturado , SDU não vai aguentar por muito mais tempo. O que vamos debater aqui no forum daqui a menos de 1 ano será ..".Esvaziamento do Galeão e Confins . Porque a ANAC não fez nada ? "

Infelizmente estamos andando igual ao caranguejo.

Link to comment
Share on other sites

Infelizmente estamos andando igual ao caranguejo.

 

Na verdade desde que a ANAC foi criada o retrocesso tomou conta. Começa lá na SAC, passando pelas habilitações, o processo das bancas (ficou online mas fechou a maioria dos locais de aplicação, restringindo estupidamente as sedes), tratamento dos relatórios, todo o atendimento nas unidades, etc. É uma porcaria de serviço que começa lá embaixo e vai subindo até chegar na dona encrenca. Tudo ficou pior e mais atrasado. A única coisa que subiu foi a tabela de taxas, afinal numa agência tosca dessas é preciso muito dinheiro pra sustentar.

 

Abraço

Link to comment
Share on other sites

 

Não penso que a demanda foi para o GIG por decreto.

 

Foi sim por segurança, uma vez que o GIG tem pistas muito mais seguras do que o SDU

Foi sim por conta de maior pontualidade, uma vez que o GIG não fecha por chuva ou nevoeiros simples

Foi sim por conforto, uma vez que o SDU não tinha a mínima condição de receber os passageiros que recebia

 

Agora, se não prepararam o GIG de 2004 a 2008 para a oferta crescente que a cidade e o estado do Rio demandam, culpem a Infraero.

 

 

Link to comment
Share on other sites

Seria uma boa a Pantanal lançar PPB - SJP - SDU ?

Ligando interior de São Paulo direto ao Rio.

 

Abraços :thumbsup:

Link to comment
Share on other sites

Acho que está mais para "máscara de oxigênio" do que "anabolizante"

Então você há de convir que o GIG não tem força própria, tendo que gerar demanda "por decreto" segundo o feliz comentário do Airbus-FA.

Conforme já expus em outros tópicos sobre esta novela, o Rio de Janeiro não tem tráfego que justifique a existência de mais de um aeroporto. Sendo assim, naturalmente passageiros e cias aéreas irão pleitear a transferência de vôos para o ocioso SDU.

Link to comment
Share on other sites

Então você há de convir que o GIG não tem força própria, tendo que gerar demanda "por decreto" segundo o feliz comentário do Airbus-FA.

Conforme já expus em outros tópicos sobre esta novela, o Rio de Janeiro não tem tráfego que justifique a existência de mais de um aeroporto. Sendo assim, naturalmente passageiros e cias aéreas irão pleitear a transferência de vôos para o ocioso SDU.

 

Não tem mesmo. Temos um movimento de menos de 15 milhões de passageiros e capacidade para o dobro disso.

 

Agora, chamar SDU de "ocioso" dá a entender que o Galeão está lotado. É no mínimo irônico que se valham do argumento de que "SDU passou por uma mega-reforma milionária e está operando com 50% da capacidade" quando o Galeão está sofrendo uma reforma ainda mais custosa e vai operar com os mesmos 50% de capacidade (10 mi pax/ano em 20 mi pax/ano de capacidade). Não sei porque ninguém nunca pensou nisso!

 

Mas como estamos falando de um aeroporto que é o de maior capacidade de todo o sistema da Infraero, dá pra imaginar o que custa mais para a Infraero (e para o governo): 50% de vácuo no Galeão ou 50% de vácuo no Santos-Dumont. O Galeão merece preferência.

 

SDU já teria seu futuro garantido com a Ponte Aérea, mas preferiram entupi-lo logo. Isso é que é anabolizar, porque deram algo do qual o aeroporto não apenas não tem necessidade como lhe faz mal.

Link to comment
Share on other sites

SDU já teria seu futuro garantido com a Ponte Aérea, mas preferiram entupi-lo logo. Isso é que é anabolizar, porque deram algo do qual o aeroporto não apenas não tem necessidade como lhe faz mal.

 

:rev:

 

Link to comment
Share on other sites

Archived

This topic is now archived and is closed to further replies.

Guest
This topic is now closed to further replies.

×
×
  • Create New...

Important Information

Saiba os termos, regras e políticas de privacidade