Jump to content

Aéreas terão receita US$ 2,5 bi menor no ano


Carlos Augusto

Recommended Posts

Fonte: DCI, 20/03/2009 (Caderno A; pág.11)

 

 

Reportagem: Laelya Longo

 

A Associação Internacional do Transporte Aéreo (Iata) afirmou, ontem, que as companhias aéreas de todo o mundo deixarão de faturar, em 2009, cerca de US$ 2,5 bilhões em função da retração econômica internacional e alertou para o fato de que, consequentemente, algumas delas poderão apresentar prejuízos nos próximos anos.

 

Segundo o diretor-geral da Iata, Giovanni Bisignani, a entidade revisará para baixo suas previsões de crescimento para o ano, porque a queda da demanda por serviços aéreos provoca impactos significativos no setor. Ele ressaltou que, em janeiro, o número de passageiros caiu 5,6% e o transporte de carga despencou 23,3%.

 

Bisignani acredita que a economia mundial só começará a se recuperar no final do ano, e de forma muito gradual. Por isso, será muito difícil que as companhias aéreas obtenham lucro, mesmo com a redução do preço do combustível aéreo. "O protecionismo governamental tornou o transporte aéreo mais vulnerável às oscilações econômicas", disse o diretor-geral da Iata.

 

 

Link to comment
Share on other sites

Archived

This topic is now archived and is closed to further replies.

Guest
This topic is now closed to further replies.
×
×
  • Create New...

Important Information

Saiba os termos, regras e políticas de privacidade