Jump to content

Aeroportos evidenciam recuperação da aviação a duas velocidades


Jopeg

Recommended Posts

Caros,

 

In PressTur:

Ásia/Pacífico assume liderança mundial

 

Aeroportos evidenciam recuperação da aviação a duas velocidades

 

Presstur 04-08-2010 (14h25)

 

Os aeroportos da Ásia - Pacífico, América Latina e Caraíbas, Médio Oriente e África são os principais beneficiários da recuperação do tráfego aéreo mundial, enquanto Europa e América do Norte permanecem “desligadas”,segundo o Airports Council Internacional (ACI), que destaca os crescimentos homólogos acima de 20% que ocorrem em Kuala Lumpur, Taipei, Jacarta, São Paulo - Guarulhos, Xangai - Pudong e Moscovo - Sheremetjevo.

O ACI, que tem associadas 575 empresas que operam 1.630 aeroportos em 179 países e territórios, destaca sobretudo que Junho voltou a ser um mês de forte recuperação do tráfego mundial, com um aumento médio do número de passageiros em 8%, impulsionado pelo movimento em voos internacionais, que cresce 10,4%, enquanto em voos domésticos o aumento é de 6,1%.

Segundo o ACI, 307,027 milhões de passageiros embarcaram e desembarcaram em Junho nos aeroportos a nível mundial, 142,887 milhões deles em voos internacionais e 161,907 em voos domésticos.

Os aeroportos europeus são os líderes em movimento, com 100,877 milhões de passageiros, pela liderança em voos internacionais, com 77,665 milhões de passageiros.

Depois vêm os aeroportos da América do Norte, com 87,871 milhões de passageiros, e da Ásia e Pacífico, com 83,607 milhões, em ambos os casos com forte predominância do movimento em voos domésticos, que somaram, respectivamente, 72,597 milhões e 50,869 milhões de passageiros.

A seguir estão os aeroportos da América Latina e Caraíbas, com 18,544 milhões de passageiros (com predomínio do tráfego doméstico, que soma 12,472 milhões), África, com 8,219 milhões (com predomínio dos voos internacionais, que somam 5,275 milhões), e Médio Oriente, com 7,909 milhões (relativamente à qual o ACI apenas indica que em voos internacionais são 7,542 milhões).

Porém, quando se olha às variações em relação ao período homólogo de 2009, que foi marcado pelo impacto da crise económica e financeira mundial, a região da Ásia – Pacífico é líder destacada, com crescimento de 17,8% (+24,2% em voos domésticos e +14,4% em voos internacionais), e América do Norte e Europa estão nas últimas posições, com crescimentos de 2% (+8,6% em voos internacionais e +0,8% em domésticos) e 5% (+5,4% em voos internacionais e +3,9% em domésticos), respectivamente.

A região da América Latina e Caraíbas surge com o segundo maior crescimento no mês, com +12,7% (+18% em voos internacionais e +10,7% em domésticos), seguindo-se África, com +11,2% (+13,8% em voos internacionais e +6,6% em domésticos), e, depois o Médio Oriente, com +9,3% (o ACI só indica crescimento em 9% nos voos internacionais).

 

Europa e América do Norte com uma "recuperação menor", sinal que estas ecónomias ainda estão débeis ... e que "o dinheiro do mundo" começa a estar nos países emergentes.

 

Um abraço português,

 

Jopeg

Link to comment
Share on other sites

Archived

This topic is now archived and is closed to further replies.

Guest
This topic is now closed to further replies.
×
×
  • Create New...

Important Information

Saiba os termos, regras e políticas de privacidade