Jump to content

Formula 1 - 2010


RCWSKY

Recommended Posts

Fórmula 1: FOM freta Airbus A380 de São Paulo para Abu Dhabi

 

A época de 2010 de Fórmula 1 vai terminar em grande estilo, a 14 de novembro, em Abu Dhabi. O que muitos ainda não repararam é que as últimas duas corridas se vão desenrolar em fins de semana consecutivos, sendo uma delas na América do Sul, e a outra nos Emirados Árabes Unidos, com tudo o que isso implica em termos de deslocação de pessoas e material.

 

Neste contexto, a FOM (Formula One Management) tem previsto alugar um Airbus A380 de modo a poder levar muitos dos elementos das equipas de São Paulo a Abu Dhabi, onde deverão chegar durante o dia de segunda-feira. Bem rápido tendo em conta a distância!

 

Sete dias entre dois continentes

 

Contudo, toda a caravana que envolve a Fórmula 1 é bastante maior que a lotação de um Airbus A380 e o facto da FOM já ter recolocado duas semanas de intervalo entre S. Paulo e Abu Dhabi no calendário de 2011 - que no próximo ano invertem a ordem, o Brasil é a última corrida - vem provar que o calendarizado este ano encerra riscos, já basta haver problemas em S. Paulo, por exemplo com condições meteorológicas muito adversas o que não é de estranhar muito, se os aviões se atrasam o GP de Abu Dhabi fica em sério risco.

 

A FOM possui quatro Boeing 747 para levar todo o material das equipas de circuito para circuito, e no caso do GP do Brasil, vão sair de S. Paulo no final da tarde de segunda-feira, e 24 horas depois já estarão em Abu Dhabi. Isto significa que o material só chega ao circuito na quarta-feira de manhã.

 

O que a totalidade das equipas vão fazer neste caso é mandar pessoal diretamente das fábricas para montar as boxes e as zonas de 'Hospitality', ganhando assim tempo precioso, sendo que estes elementos irão para Abu Dhabi na segunda-feira e na quarta-feira já está de regresso a casa.

 

Quatro horas de descanso

 

Relativamente aos jornalistas, por exemplo, há histórias díspares, mas se por exemplo o enviado especial do AutoSport, Luís Vasconcelos ainda conseguirá estar 24 horas em Portugal, pois chega do Brasil terça-feira de manhã e 24 horas depois já estará a voar para o Dubai. Há no entanto, outras situações bem mais complicadas, como é o caso de um jornalista norte-americano, de Chicago, que sairá do Brasil em direção a casa, e no aeroporto de Chicago vai esperar quatro horas pelo voo que o levará de volta a caminho de mais um Grande Prémio, sendo que a única coisa que conseguirá fazer nessas quatro horas é trocar de mala de viagem, que lhe será levada por um familiar.

 

Fonte: autosport.aeiou.pt

 

[Quanto a carga da F1, ela é desembarcada e embarcada em VCP, o que não atrapalha o movimento de GRU]

Link to comment
Share on other sites

A TAM irá participar desta operação de logística com vôos entre GRU e AUH com um A330 e outro A340.

 

 

Mas que eu saiba esses vôos não são para levar os equipamentos da F1 e sim para levar convidados. E, se não estou enganado, não foram fretados pela administração da F1.

Link to comment
Share on other sites

F1: De Interlagos para Abu Dhabi: rapidez no transporte da Fórmula 1.

 

As duas últimas corridas do Mundial de Fórmula 1 de 2010 terão um intervalo de apenas uma semana. No dia 7 de novembro os pilotos disputam o GP Petrobras do Brasil em Interlagos e, no dia 14, a prova de Abu Dhabi. Dessa forma, os organizadores do GP Brasil criaram uma nova logística para atender aos interesses das equipes e dirigentes da FIA e FOM.

Dois vôos especiais da TAM farão a conexão entre São Paulo e Abu Dhabi, saindo de Cumbica na madrugada de segunda-feira, dia 8 de novembro. O transporte de quase 900 toneladas de equipamentos exigirá um novo sistema de desmontagem no autódromo e o embarque a partir do aeroporto de Viracopos em vôos de empresas especializadas em grandes operações de carga.

 

O diretor-executivo da TAM Viagens, Sylvio Ferraz, explica que dois aviões – um A340 e um A330 – transportarão respectivamente 286 e 220 passageiros de São Paulo para Abu Dhabi, em vôos de cerca de 15 horas de duração. “Estamos muito satisfeitos em poder participar de um projeto de logística da Fórmula 1”, explica Sylvio, lembrando que, durante a Copa do Mundo, também organizou vôos fretados para Johanesburgo, na África do Sul.

 

 

Quanto ao transporte do material que sairá de Interlagos haverá mudanças em relação aos outros anos. O equipamento das equipes na área de boxes e a estrutura das emissoras internacionais de televisão deverão ser desmontados ao mesmo tempo, logo após a prova, já que os três primeiros vôos cargueiros deverão sair de Viracopos até o começo da manhã de segunda-feira. Para isso serão necessárias duas vezes mais caminhões do que em 2009 e o número de carregadores também deverá dobrar. Em 2009, a prova de Abu Dhabi foi disputada duas semanas depois da corrida de Interlagos.

 

 

Segundo a orientação da Formula One Management, todo o equipamento para a última corrida do ano deverá estar disponível para as equipes a partir de quarta-feira, dia 10 de novembro, no circuito de Abu Dhabi.

Link to comment
Share on other sites

F1: De Interlagos para Abu Dhabi: rapidez no transporte da Fórmula 1.

 

As duas últimas corridas do Mundial de Fórmula 1 de 2010 terão um intervalo de apenas uma semana. No dia 7 de novembro os pilotos disputam o GP Petrobras do Brasil em Interlagos e, no dia 14, a prova de Abu Dhabi. Dessa forma, os organizadores do GP Brasil criaram uma nova logística para atender aos interesses das equipes e dirigentes da FIA e FOM.

Dois vôos especiais da TAM farão a conexão entre São Paulo e Abu Dhabi, saindo de Cumbica na madrugada de segunda-feira, dia 8 de novembro. O transporte de quase 900 toneladas de equipamentos exigirá um novo sistema de desmontagem no autódromo e o embarque a partir do aeroporto de Viracopos em vôos de empresas especializadas em grandes operações de carga.

 

O diretor-executivo da TAM Viagens, Sylvio Ferraz, explica que dois aviões – um A340 e um A330 – transportarão respectivamente 286 e 220 passageiros de São Paulo para Abu Dhabi, em vôos de cerca de 15 horas de duração. “Estamos muito satisfeitos em poder participar de um projeto de logística da Fórmula 1”, explica Sylvio, lembrando que, durante a Copa do Mundo, também organizou vôos fretados para Johanesburgo, na África do Sul.

 

 

Quanto ao transporte do material que sairá de Interlagos haverá mudanças em relação aos outros anos. O equipamento das equipes na área de boxes e a estrutura das emissoras internacionais de televisão deverão ser desmontados ao mesmo tempo, logo após a prova, já que os três primeiros vôos cargueiros deverão sair de Viracopos até o começo da manhã de segunda-feira. Para isso serão necessárias duas vezes mais caminhões do que em 2009 e o número de carregadores também deverá dobrar. Em 2009, a prova de Abu Dhabi foi disputada duas semanas depois da corrida de Interlagos.

 

 

Segundo a orientação da Formula One Management, todo o equipamento para a última corrida do ano deverá estar disponível para as equipes a partir de quarta-feira, dia 10 de novembro, no circuito de Abu Dhabi.

 

 

Não sabia da informação. Só sabia dos fretes, mas não quem era o contratante. Valeu. :thumbsup:

 

 

A F1 deve estar pagando tanta grana à JJ que no dia desses fretes ela vai cancelar um GRU-CDG e um GRU-MXP para poder usar as aeronaves.

Link to comment
Share on other sites

F1: De Interlagos para Abu Dhabi: rapidez no transporte da Fórmula 1.

 

O transporte de quase 900 toneladas de equipamentos exigirá um novo sistema de desmontagem no autódromo e o embarque a partir do aeroporto de Viracopos em vôos de empresas especializadas em grandes operações de carga.

 

Os equipamentos das equipes na área de boxes e a estrutura das emissoras internacionais de televisão deverão ser desmontados ao mesmo tempo, logo após a prova, já que os três primeiros vôos cargueiros deverão sair de Viracopos até o começo da manhã de segunda-feira. Para isso serão necessárias duas vezes mais caminhões do que em 2009 e o número de carregadores também deverá dobrar. Em 2009, a prova de Abu Dhabi foi disputada duas semanas depois da corrida de Interlagos.

 

 

Segundo a orientação da Formula One Management, todo o equipamento para a última corrida do ano deverá estar disponível para as equipes a partir de quarta-feira, dia 10 de novembro, no circuito de Abu Dhabi.

 

Alguém sabe de qual(ais) cia(s) farão o transporte da carga? :uhm:

 

Deve ser mais que 4 - 74F, para transportar 900 ton. de carga. :thumbsup:

Link to comment
Share on other sites

Alguém sabe de qual(ais) cia(s) farão o transporte da carga? :uhm:

 

Deve ser mais que 4 - 74F, para transportar 900 ton. de carga. :thumbsup:

 

 

Ano passado o transporte foi feito pela Atlas Air e pela Emirates Sky Cargo.

Link to comment
Share on other sites

Para transportar 900 toneladas de carga, num mesmo dia e nessa distância, seria necessário no mínimo 10 747-400F [90 ton/cada para LR].

Uma coisa é receber em VCP 10 737-800 ou 320 alternados. A outra é 10 747F, fora todo o movimento diário do aeroporto.

 

Link to comment
Share on other sites

Para transportar 900 toneladas de carga, num mesmo dia e nessa distância, seria necessário no mínimo 10 747-400F [90 ton/cada para LR].

Uma coisa é receber em VCP 10 737-800 ou 320 alternados. A outra é 10 747F, fora todo o movimento diário do aeroporto.

 

 

Mas é em torno disso mesmo. Ano passado o número total de viagens foi mais ou menos de 10. Mas os aviões não chegam, nem saem todos ao mesmo tempo, por isso não há problemas na capacidade do aeroporto.

Link to comment
Share on other sites

Viracopos vai ter movimento extra na epoca da F1?

 

 

Todo ano tem. São os cargueiros que trazem os equipamentos para SP e depois levam para Abu Dhabi.

Link to comment
Share on other sites

Bem que poderiam economizar tempo com quatro vôos de an-225, ou ainda 6 vôos de an-124, o paris dakar ja se utilizou deles para algo semelhante(apesar de distâncias bem menores)...

 

Talvez a utilização de uns 6 ou 7 AN-124 no mesmo dia!

 

A questão é mais o "tempo", em que as 900 toneladas de equipamentos tem que estar em Abu Dhabi [até quarta].

Link to comment
Share on other sites

Eu queria uma vida dessas pra mim... Hoje na américa do sul, amanhã ná Ásia, depois de amanhã só Deus sabe.

E o pior é que ainda ganham, e muito bem, pra isso!

 

Essa vida eh glamurosa soh de longe!

 

Eu adoro viajar e aviacao, mas tem dias que eu soh queria ficar em casa, no meu canto, e nao posso.......... :thumbsdown_still:

Link to comment
Share on other sites

Archived

This topic is now archived and is closed to further replies.

Guest
This topic is now closed to further replies.
×
×
  • Create New...

Important Information

Saiba os termos, regras e políticas de privacidade