Jump to content

Cathay Pacific encomenda 27 aeronaves


Recommended Posts

Flight Global

 

Cathay Pacific Airways is to add 27 widebodies worth HK$51 billion ($6.55 billion) at list prices to its fleet under agreements inked with Airbus, Boeing and International Lease Finance (ILFC).

 

The Hong Kong-based carrier announced today it is acquiring an additional 15 A330-300s and 10 more 777-300ERs direct from the manufacturers, and taking an extra pair of A350-900s under a deal with ILFC. The airline says it will take delivery of all of the aircraft before the end of 2015.

 

The latest orders follow deals announced by Cathay in September for 30 A350-900s to be delivered from 2016 to 2019 and six 777-300ERs to be delivered between 2013-2014.

 

Cathay says today's new orders will "enable the airline to replace older, less fuel-efficient aircraft as they are progressively retired from the fleet and at the same time continue with the expansion of its passenger network".

 

Cathay says it now has a total of 91 new aircraft on order for delivery by 2019.

 

"Both the A330-300 and the 777-300ER are modern, fuel efficient aircraft that have already proved their value in our fleet," says Cathay chief executive Tony Tyler.

 

"Our plan is to retire our 21 747-400 and 11 A340-300 aircraft before the end of the decade... This is important both for environmental reasons and from a financial perspective as fuel remains our greatest single cost," he adds.

 

The 15 new A330-300s will be powered by Rolls-Royce Trent 700 engines.

 

 

Link to comment
Share on other sites

 

So nos ultimos dias a Boeing vendeu mais 17 B777 (incluindo 1 extra para a American), todos com entrega antes de 2016.

E se reduzem as chances da TAM conseguir algo mais.

Link to comment
Share on other sites

E se reduzem as chances da TAM conseguir algo mais.

 

Lipe,

 

Acho que não conseguiram ou nem tentaram, pois depois que anunciaram a compra de mais dois 77W pra 2013, e nenhum adiantamento de aeronaves, eu perdi as esperanças para 2011...

 

O jeito é esperar 2012, quando teremos:

- troca dos dois A345 por 77W;

- acréscimo de outros dois 77W;

- acréscimo de um "Airbus widebody" (o qual a TAM não detalhou)...

 

Além, é claro, de uma pequena chance da LAN conseguir disponibilizar algum 767, caso os 787 comecem a ser entregues ainda em 2011 (e eu acredito que serão, já que os testes com o modelo agora estão indo muito bem)...

Link to comment
Share on other sites

Como o post se refere a Cathay Pacific, vou copiar o que disse em outro post sobre aquisiçôes de 5 Boeings 747-8I pela Air China.

 

Segue o mesmo:

 

Air china assinou contrato para 5 747-8I, até ai tudo bem, mas eis que fica a pergunta:

 

A encomenda da Air China se resume a apenas 5 novos 747-8I?

 

Indago isso devido a participação de aproximadamente 20% que a Air China detém na Cathay Pacific.

A Cathay Pacific, já disse várias vezes que o A380 não é o avião ideal para ela, e até mesmo propõe a

Boeing juntamente com a EK uma nova versão do T7W, negando o interesse no 747-8I.

 

A mesma CX tem encomendas da nova versão de carga do novo 747. Não seria talvez um "blefe" por

melhores descontos e esperas de resultados de eficiência do novo produto da Boeing por parte da CX?

 

Pelo planejamento da Cathay, os futuros A350 operarão nas rotas na Ásia, Oriente Médio e algumas frequências Européias, deixando as rotas

Européias e Norte-Americanas com o T7W.

 

Detrás desda simples encomenda, pode estar por vir uma forte e firme encomenda de uma das maiores operadoras atuais de 747 Pax?

 

A380 x 747-8I ou nenhum dos dois?

 

Eis que hoje(09/03) a CX anuncia a encomenda de mais 15 A333 + 10 T7W + 2 A359

 

Link to comment
Share on other sites

Archived

This topic is now archived and is closed to further replies.

×
×
  • Create New...

Important Information

Saiba os termos, regras e políticas de privacidade