Jump to content

Via de acesso ao aeroporto de Cumbica ganhará terceira faixa


¡No Pasarán!

Recommended Posts

DE SÃO PAULO

 

Sexta-feira, 25 de Março de 2011

 

A rodovia Hélio Smidt, caminho para o aeroporto internacional de Cumbica, em Guarulhos (Grande de São Paulo), terá uma terceira faixa para desafogar o trânsito no local. A informação é da reportagem de Ricardo Gallo publicada na edição desta sexta-feira da Folha (íntegra disponível para assinantes do jornal e do UOL).

 

De acordo com o texto, a obra na via começará ainda neste semestre, em data não definida, vai durar um ano e será feita pela Ecopistas, concessionária responsável pelo sistema Ayrton Senna/ Carvalho Pinto. A empresa não revelou quanto gastará.

 

O caminho para o aeroporto tem, todos os dias, trânsito de até 4 km, especialmente pela manhã. A fila de carros começa após o final da marginal Tietê, início da Ayrton Senna. O pico ocorre no início da manhã, a partir das 8h. Em consequência, o trajeto entre o centro de São Paulo e o aeroporto neste horário, normalmente de 45 min, tem levado o dobro do tempo, constatou a Folha ontem.

 

fonte: http://www1.folha.uol.com.br/cotidiano/893...ira-faixa.shtml

 

 

 

 

Link to comment
Share on other sites

Como disse o Milton Young no jornal da CBN de hoje: É mais uma faixa para enchermos de carros e congestionar de novo. O que falta é Transporte público!!!

Link to comment
Share on other sites

o problema da helio smith é que moradores de guarulhos usam ela para se locomover.

ela precisava ser uma via exclusiva para quem vai ao aeroporto.

Landing,

 

concordo plenamente.

 

Assim como os moradores de Guarulhos utilizam a Helio Schmidt para se locomover, os moradores do extremo leste da cidade de São Paulo utilizam a Ayrton Senna, que está cada vez pior.......Até algum tempo atrás, na altura do Parque São Jorge na Marginal, o transito desafogava. Agora é problema até GRU.

Link to comment
Share on other sites

 

Se ela for exclusiva ao aeroporto vai engarrafar do mesmo jeito por falta de vaga no estacionamento.

Como disseram, vão ampliar o engarrafamento pois o problema principal não será resolvido e sim ampliado: tem que ter mais vagas, mais acesso ao estacionamento.

Link to comment
Share on other sites

a fim de manter inabalada minha fé na humanidade, abandonarei a leitura desse tópico antes de ver alguém sugerindo batedores para proteger o acesso dos usuários de GRU dos pobres mortais que se atrevem a usar as rodovias construídas para o único fim de atender a demanda do aeroporto, como sói acontecer no mundo civilizado.

Link to comment
Share on other sites

As areas de embarque e sobretudo a de desembarque são uma várzea. Gente que chega lá(principalmente motoristas de carros de luxo) que estacionam numa area que seria somente para uma rápida parada e ficam lá(já cheguei a presenciar), mais de meia-hora que seus belos possantes aguardando o patrão chegar.

 

Enquanto isso, os que vão buscar alguém que já desembarcou, são "obrigados" a pararem na via que deveria ser somente de pasagem. Aí não tem desembarque que aguente e a fila se forma.

 

Uma fiscalizaçãozinha tirando os folgados das preciosas vagas de parada rapida, ajudaria bastante a minimizar esse problema.

Link to comment
Share on other sites

Acima de tudo, precisaria mesmo é ter ligação de trem (ou equivalente) com a cidade de São Paulo. Não precisa de megalomania de TAV; apenas um trem eficiente e de preço não exorbitante, que seja interligado aos sistemas do Metrô/CPTM. Quem quiser usar carro, táxi etc., também terá opção. Simples assim.

 

Estacionamento: creio que já foi abordado algo em tópico sobre ampliação "robótica" :hypocrite: proposta pela Infraero. As opções mais em conta hoje são os estacionamentos privados situados nos arredores, com serviço de van.

 

Implicar com a gente que mora nos arredores e usa rodovias da região é algo questionável. Se usam, é por que precisam e/ou não têm opção adequada de transporte público de massa. Francamente, vamos ponderar um pouco questões como coletividade, mobilidade metropolitana e parar com modelos de exclusão e/ou só "exclusivos". :cutuca:

 

Dada a complexidade da realidade atual da Região Metropolitana de São Paulo, faixas exclusivas são parecem realistas, pelo menos no momento atual. Futuramente, se a situação mudar (melhorar), pode ser. Até lá, invariavelmente, é preciso planejamento... :unsure:

 

Concordo que se n outros gargalos não forem resolvidos, será apenas "transferir o engarrafamento" :suicide_anim: , por exemplo, para os terminais e estacionamento.

 

O outro colega que cita os "folgados com possantes" está coberto de razão - é uma gente que não respeita, típica de países atrasados cujos tipos gostam de falar "você não sabe com quem está falando", não respeitam faixa de pedestre etc. etc. :thumbsdown_still: A saída é fiscalização, multa e gincho em caso de persistência. De fato isso ocorre todos os dias em GRU e, de fato, a fiscalização é ineficiente, eventualmnente, inexistente. Precisa mudar isso! Do jeito atual, só piora o trânsito e irrita muito.

 

No mais, são os velhos n gargalos que todos sabem (parece que só a Infraero ainda não sabe disso... :ranting_1: ), com destaque para a III pista DE FATO :thumbsup: , que o outro colega oportunamente colocou!

Link to comment
Share on other sites

a fim de manter inabalada minha fé na humanidade, abandonarei a leitura desse tópico antes de ver alguém sugerindo batedores para proteger o acesso dos usuários de GRU dos pobres mortais que se atrevem a usar as rodovias construídas para o único fim de atender a demanda do aeroporto, como sói acontecer no mundo civilizado.

 

 

hahahha...muito bom...to rindo bagarai aqui.......hahahaha......hugo......mandou muito bem!!!! :lol: :rofl: :rofl:

 

 

pra geral..alguém disse aqui num tópico antigo..que existe um espaço nessa rodovia pra instalar transporte ferroviário..ítem de série..ela já veio fabricada assim (eu nção conheço..foi o que li)...o Alckimi òpus Dei do PSDB e a Dilma guerrilheira arrependida do PT nem pensam em seguir esse projeto inteligente né???!!

Link to comment
Share on other sites

pessoal! nao vamos distorcer os fatos!

evidente que se estao usando a via do aeroporto para chegar a guarulhos é pq nao existem meios adequados.

alias qualquer um que conhece bem guarulhos sabe que o transito lá é um inferno e os politicos da cidade estao só pensando no deles.

 

da mesma forma que a Hélio Smidt deveria ser exclusiva para quem vai ao aeroporto, a população de garulhos deveria ter avenidas e transporte publico adequado.

Link to comment
Share on other sites

Nunca pensam no macro e como uma obra pode beneficiar uma região.

 

O exemplo de Guarulhos é o melhor. Até recentemente havia QUATRO propostas de ligação de Guarulhos com São Paulo: TAV, Linha 13 da CPTM, Expresso Aeroporto e o Corredor Guarulhos-Tucuruvi. Na melhor das hipóteses, passaria de 0 para 3 ligações sobre trilhos com SP. A Linha 13 está cancelada devido ao Expresso Aeroporto, este afundou por que depende do que será o TAV, e este já cogita o segundo adiamento.

 

Mas retendo apenas ao Expresso Aeroporto e a Linha 13. A Secretaria de Transportes Metropolitanos argumentou que o modelo do Expresso Aeroporto não iria dar certo por causa da demanda e que a Linha 13 seria por parar apenas no Parque CECAP. Por que então não criar uma linha de Trem normal com destino a Guarulhos e cuja uma das paradas seja o aeroporto de Cumbica? Mesmo com estações, ainda será mais rápido que ir de ônibus ou carro. Para testar se tem demanda, poderia bloquear dois carros de um trem (o equivalente a 12,5% da oferta) para os paxs que vão para GRU. Vendo que há uma demanda, poderia aumentar o número de assentos, se crescer mais ainda, poderia intercalar um trem normal com um trem para o aeroporto.

 

Mas o governo de SP só pensa no dele, o governo federal também, e que se f**** é o restante.

Link to comment
Share on other sites

Nunca pensam no macro e como uma obra pode beneficiar uma região.

 

O exemplo de Guarulhos é o melhor. Até recentemente havia QUATRO propostas de ligação de Guarulhos com São Paulo: TAV, Linha 13 da CPTM, Expresso Aeroporto e o Corredor Guarulhos-Tucuruvi. Na melhor das hipóteses, passaria de 0 para 3 ligações sobre trilhos com SP. A Linha 13 está cancelada devido ao Expresso Aeroporto, este afundou por que depende do que será o TAV, e este já cogita o segundo adiamento.

 

Mas retendo apenas ao Expresso Aeroporto e a Linha 13. A Secretaria de Transportes Metropolitanos argumentou que o modelo do Expresso Aeroporto não iria dar certo por causa da demanda e que a Linha 13 seria por parar apenas no Parque CECAP. Por que então não criar uma linha de Trem normal com destino a Guarulhos e cuja uma das paradas seja o aeroporto de Cumbica? Mesmo com estações, ainda será mais rápido que ir de ônibus ou carro. Para testar se tem demanda, poderia bloquear dois carros de um trem (o equivalente a 12,5% da oferta) para os paxs que vão para GRU. Vendo que há uma demanda, poderia aumentar o número de assentos, se crescer mais ainda, poderia intercalar um trem normal com um trem para o aeroporto.

 

Mas o governo de SP só pensa no dele, o governo federal também, e que se f**** é o restante.

 

Desde que o trajeto fosse acompanhado por seguranças ou policiais, seria muito bom. Imagina você ter 2 vagões exclusivos para quem vai ao aeroporto de Guarulhos...apetitoso para ladrões!

 

Mas sou favorável a um trem, saindo do Campo de Marte, conectado ao metrô por uma esteira rolante e subterrânea (acho que a estação mais próxima é a Carandiru) e com um bolsão de estacionamento robusto. Esse trem seria Marte-terminal 1 - terminal 2 e futuramente 3 de GRU, dando meia-volta e fazendo o inverso. Um trem que percorresse o trecho a uns 150 km/h estaria de bom tamanho.

 

Para as pessoas que ali residem, um bom corredor na própria Hélio Smidt, com ônibus articulados e confortáveis (ar condicionado inclusive), passando pelo CECAP e seguindo até alguma BOA conexão para o centro de Guarulhos e metrô de SP.

 

Alargar a estrada só vai mudar o trânsito de lugar. Não sei o que estes governantes tem na cabeça mas sei o que eles tem no bolso...

 

Rafael

 

 

 

 

 

Rafael

Link to comment
Share on other sites

o problema da helio smith é que moradores de guarulhos usam ela para se locomover.

ela precisava ser uma via exclusiva para quem vai ao aeroporto.

Exato! Mas os gargalos sao muitos, nao só o caso da falta de estacionamento como alguns postaram aqui. Obvio que GRU tem demanda para pelo menos 2 linhas de trem da CPTM (uma "expressa" e outra vindo das cidades apos GRU, como Santa Isabel/Aruja... passando por GRU -aeroporto inclusive- e vindo para SP).

Mas voltando ao assunto da terceira faixa, o problema "começa no começo" da rodovia: Quem dirige por ali todo dia sabe que o limite da rodovia é 120 Km/h. E tem muita gente que "segura o transito" por pelo menos 10 km, andando a 90 km/h (mesmo limite da Marginal Tiete). Quase no acesso da rodovia é que surge a quinta faixa para o acesso ao aeroporto.

E na minha opiniao, exatamente apos o viaduto é que as faixas deveriam ser segregadas: Mantem-se as 2 faixas existentes para quem quer ir para o Aeroporto (pista expressa) e constroi-se +2 a direita (pista Marginal) para quem quer acessar a Dutra e o Cecap.

Link to comment
Share on other sites

Exato! Mas os gargalos sao muitos, nao só o caso da falta de estacionamento como alguns postaram aqui. Obvio que GRU tem demanda para pelo menos 2 linhas de trem da CPTM (uma "expressa" e outra vindo das cidades apos GRU, como Santa Isabel/Aruja... passando por GRU -aeroporto inclusive- e vindo para SP).

Mas voltando ao assunto da terceira faixa, o problema "começa no começo" da rodovia: Quem dirige por ali todo dia sabe que o limite da rodovia é 120 Km/h. E tem muita gente que "segura o transito" por pelo menos 10 km, andando a 90 km/h (mesmo limite da Marginal Tiete). Quase no acesso da rodovia é que surge a quinta faixa para o acesso ao aeroporto.

E na minha opiniao, exatamente apos o viaduto é que as faixas deveriam ser segregadas: Mantem-se as 2 faixas existentes para quem quer ir para o Aeroporto (pista expressa) e constroi-se +2 a direita (pista Marginal) para quem quer acessar a Dutra e o Cecap.

Snme, o limite é 90, hein? Isso na hélio smidt, depois que vc sai da Dutra ou Ayrton Senna.

 

Rafael

Link to comment
Share on other sites

Snme, o limite é 90, hein? Isso na hélio smidt, depois que vc sai da Dutra ou Ayrton Senna.

 

Rafael

É 90 na Marginal Tiete, 90 "no começo" da Ayrton Senna, passando para 120 na placa "Ecopistas prazer em receber voce" (rs), 80 apos alça de acesso (tem ate um radar ali), depois 100 ja dentro do aeroporto... :thumbsup:
Link to comment
Share on other sites

Exatamente: na Marginal Tietê, o limite é de 90km/h; depois, no início da rodovia Ayrton Senna, na altura do Parque Ecológico do Tietê, vai a 120km/h; mas em seguida à alça de acesso à rodovia Hélio Schmidt, após a USP-Leste, cai a 80km/h (tem uma placa: "Velocidade de segurança" :hypocrite: , seguida de um radar caça-níeui$$$$$ :thumbsdown_still: ), nas proximidades dos presídios; depois, após a Rodovia Dutra, vai a 100km/h na rodovia Hélio Schmidt e, por fim, é uma confusão para entender qual o limite, mas baixa nas proximidades do aeroporto.

Link to comment
Share on other sites

Exatamente: na Marginal Tietê, o limite é de 90km/h; depois, no início da rodovia Ayrton Senna, na altura do Parque Ecológico do Tietê, vai a 120km/h; mas em seguida à alça de acesso à rodovia Hélio Schmidt, após a USP-Leste, cai a 80km/h (tem uma placa: "Velocidade de segurança" :hypocrite: , seguida de um radar caça-níeui$$$$$ :thumbsdown_still: ), nas proximidades dos presídios; depois, após a Rodovia Dutra, vai a 100km/h na rodovia Hélio Schmidt e, por fim, é uma confusão para entender qual o limite, mas baixa nas proximidades do aeroporto.

:ohyes:

 

Mas olha..eu não sou um dos nós cegos que atrapalham não, hein? Hahaha

 

Faz tempo que não cou de carro para GRU pq simplesmente é um inferno. Marginais, Ayrton Senna, estacionamento, etc. Melhor ir de taxi cochilando :)

Link to comment
Share on other sites

pelo menos temos q agradecer pq vão colocar mais uma faixa q é o minimo q poderiam fazer no momento

vao gastar dinheiro aonde ainda nao precisa!

o dinheiro seria melhor aplicado fazendo mais faixas antas do viaduto do cecap.

Link to comment
Share on other sites

Archived

This topic is now archived and is closed to further replies.

×
×
  • Create New...

Important Information

Saiba os termos, regras e políticas de privacidade