Jump to content

AirAsia quer mais jatos da Airbus


leelatim

Recommended Posts

Valor Econômico

07/07/2011

AirAsia quer mais jatos da Airbus

Liau Y-Sing e Raju Gopalakrishnan | Reuters

 

A AirAsia tem planos de adquirir mais 100 jatos A320neo da Airbus, podendo elevar sua encomenda recorde para 300 aeronaves, disse uma fonte com conhecimento direto das negociações.

 

Tal acordo tornaria a companhia área de baixo custo da Malásia uma das maiores do mundo e pode aumentar a pressão para que a Boeing dê mais detalhes sobre sua estratégia para competir com os planos de sua principal concorrente de aprimorar o jato A320.

 

A AirAsia anunciou um acordo no valor de US$ 18,2 bilhões (a preço de tabela) para encomendar 200 aeronaves A320neo durante a Paris Air Show, em junho, estabelecendo um recorde sobre o maior número de aviões em uma única encomenda.

 

sobe

Link to comment
Share on other sites

AirAsia planeja aumentar pedidos por jatos da Airbus

quarta-feira, 6 de julho de 2011 12:59 BRT Imprimir [-] Texto [+]

Por Liau Y-Sing e Raju Gopalakrishnan

 

KUALA LUMPUR (Reuters) - A AirAsia tem planos de adquirir mais 100 jatos A320neo da Airbus, podendo elevar sua encomenda recorde para 300 aeronaves, disse uma fonte com conhecimento direto das negociações.

 

Tal acordo tornaria a companhia área de baixo custo da Malásia uma das maiores do mundo, e pode aumentar a pressão para que a Boeing dê mais detalhes sobre sua estratégia para competir com os planos de sua principal concorrente de aprimorar o jato A320.

 

A AirAsia anunciou um acordo no valor de 18,2 bilhões de dólares (a preço de tabela) para encomendar 200 aeronaves A320neo durante a Paris Air Show, em junho, estabelecendo um recorde sobre o maior número de aviões em uma única encomenda.

 

Embora a encomenda adicional, se confirmada, eleve o preço do acordo para 27 bilhões de dólares, muitos analistas supõe que a companhia aérea tenha obtido um desconto de até 50 por cento devido ao tamanho do pedido inicial.

 

O pedido evidenciou a crescente distância entre a líder Airbus sobre a Boeing em jatos de percursos de média distância e coloca o agressivo plano de crescimento AirAsia sob os holofotes, em um momento no qual o alto custo do petróleo e as incertezas na economia obscurecem as perspectivas sobre o tráfego aéreo.

 

O diretor regional de finanças corporativas da AirAsia, Aireen Omar, disse: "Pedimos 200 e, até o momento, não há mudanças".

 

Um porta-voz da Airbus disse que a fabricante não comentará discussões comerciais com clientes confidenciais.

 

A AirAsia tem rotas para 63 destinos em mais de 20 países, e conta com 90 aeronaves atualmente, quase todas da família A320.

 

(Reportagem adicional de Harry Suhartono e Tim Hepher)

Link to comment
Share on other sites

Archived

This topic is now archived and is closed to further replies.

×
×
  • Create New...

Important Information

Saiba os termos, regras e políticas de privacidade