Jump to content

Embraer eleva metas para 2011 e ações disparam


leelatim

Recommended Posts

Embraer eleva metas para 2011 e ações disparam

sexta-feira, 29 de julho de 2011 13:29 BRT Imprimir | Uma página [-] Texto [+]

Por Cesar Bianconi

 

SÃO PAULO (Reuters) - As ações da Embraer exibiam forte alta nesta sexta-feira, reagindo à revisão para cima das metas da companhia para 2011 de receita, lucro operacional e margem anunciada na véspera.

 

Os papéis da fabricante brasileira de aviões vinham sendo pressionados para baixo por um ambiente mais desafiador, com novos rivais de Rússia, China e Japão.

 

A Embraer é a única das quatro grandes produtoras mundiais de aeronaves comerciais que não decidiu seu próximo passo nesse segmento, de onde obtém a maior parte de suas vendas.

 

Em teleconferência, o presidente-executivo da Embraer, Frederico Curado, disse que a demanda pelos E-Jets da empresa de 70 a 122 passageiros segue firme.

 

Ele vê potencial de fechar vendas de jatos comerciais no segundo semestre em ritmo similar ao visto de janeiro a junho, quando foram anunciados pela Embraer acordos envolvendo 104 jatos comerciais --62 novos pedidos firmes e 42 encomendas que devem ter seus contratos definitivos concluídos em breve.

 

A maior disputa é por um contrato com a norte-americana Delta Air Lines --que deve decidir sobre seu plano de frota em outubro.

 

No final de quinta-feira, a Embraer aumentou de 5,6 bilhões para 5,8 bilhões de dólares sua meta de receita em 2011.

 

A projeção para o lucro anual antes de juros e impostos (Ebit, em inglês) subiu para 465 milhões de dólares, frente a 420 milhões de dólares. A margem Ebit em 2011 deverá ficar em 8 por cento, e não 7,5 por cento como estimado antes.

Link to comment
Share on other sites

Embraer prevê primeira aeronave produzida na China para 2013

 

Contrato com a Minsheng Financial Leasing, que prevê a entrega de 20 jatos executivos, deve ser assinado nos próximos 60 dias

 

Salvar notícia

Comentários (0)Views (133)

Marcio Orsolini, de

Divulgação

 

Legacy 600: modelo será produzido na China

São Paulo – Depois de assinar um memorando de entendimento com a chinesa Minsheng Financial Leasing, a Embraer espera que em até 60 dias as empresas assinem o acordo definitivo que prevê a entrega de 20 jatos executivos.

 

 

“A ideia é começar a produzir a partir do ano que vem para entregar o primeiro avião em 2013”, disse Frederico Curado, diretor-presidente da Embraer, em conferência sobre os resultados trimestrais.

 

Em abril, a Embraer acertou a continuidade de sua fábrica em Harbin, na província de Heilongjiang. A unidade foi adaptada para a produção dos modelos Legacy 600 e 650.

 

“Estamos trabalhando na formalização de toda a proposta e depois teremos a etapa de preparação da fábrica e de treinamento da equipe”, diz Curado.

 

No segundo trimestre do ano, a Embraer registrou lucro líquido de 153,8 milhões de reais – um salto de 51,2% em relação ao mesmo período de 2010. No ano, o lucro acumulado é de 328,1 milhões de reais.

Link to comment
Share on other sites

China isso... China aquilo.

 

O tempo passa, o tempo voa... Enquanto isso a gente vê o Brasil fazendo vista grossa para a fase que vive.

 

Steve Jobs falou em alto e bom som:

Enquanto o Brasil cobrar esses impostos abusivos(Viu Dilma, Congresso, etc), ele não irá abrir Apple Store aqui.

Isso é apenas 1 empresario falando.

Link to comment
Share on other sites

Archived

This topic is now archived and is closed to further replies.

×
×
  • Create New...

Important Information

Saiba os termos, regras e políticas de privacidade