Jump to content

Archived

This topic is now archived and is closed to further replies.

Bruno Carvalho

CCF - peso + altura

Recommended Posts

senhores bom dia/boa tarde/noite

 

sou estudante de PP, estou prestes a terminar o curso e estou pensando em dar andamento logo pro CCF

 

meu problema é o seguinte, como posso saber o "nível ideal," atualmente tenho 120 com 1,73 + 19 anos. sei que estou pesado demais para uma possível aprovação, mas tenho meus níveis em estado "normal" a maioria até a baixo do ideal.

 

 

grato!

Share this post


Link to post
Share on other sites

Olá Bruno!

 

Dá uma olhada no RBAC 67 Apendice A Tabela de Classificação Ponderal (pg 30). Lá Vc vai encontrar a famigerada e antiquada tabela peso x altua x idade. Tenho 41 anos peso de 94 kg e 1,77 de altura e na ultima inspeção, apesar do check-up ter dado as taxas como ok, veio nas observações do ccf escrito: trazer parecer da endocrinologia na proxima inspeção. Ao perguntar o porque disso, foi me dito que seria por causa da tabela peso, idade, altura. Tenho um colega da Gol que é quase da mema altura que eu, porém, ele é atleta e bem fortão, pesa uns 100 kgs, toda vez ao renovar seu CCF, ele sofre com medicos da aeronautica e a tal tabela, Apesar de exames particulares dizerem que a saude dele é perfeita!

 

Abs!

Share this post


Link to post
Share on other sites

Ja estive nessa situação, e por causa dessa tabela, como o Leduc disse antiquada, ja quase fui reprovado mesmo tendo todos meus exames em niveis normais. Esse calculo de IMC (peso / altura x altura) ja foi comprovado que é errado e ultrapassado, mesmo assim continuam usando esse calculo. Por isso que o colega do Leduc da Gol tem tanta dificuldade, mesmo tendo pouca "massa gorda".

Não vejo a hora da RBAC 67 entrar em vigor, que pelo que entendi sera abolida essa tabela.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Pessoal, vou aproveitar o embalo...

 

Começo ano que vem o PP e tenho uma dúvida...

 

15 anos + 1,85mts + 115kg... Tá muito acima?

 

Já perdi 7kg e quero chegar nos 100...

Share this post


Link to post
Share on other sites

15 anos com 115kg está muito acima em qualquer tabela.

Share this post


Link to post
Share on other sites

15 anos com 115kg está muito acima em qualquer tabela.

 

booom.....o IMC dele é 33,6.

claro que para um adolescente de 15 anos, é muito mesmo mas perante a nova regra que está para ser lançada que é o RBAC 67, ele está dentro dos "padrões". O RBAC 67 é uma reedição usando as bases de dados Americanas e Européias para pilotos que limitam o IMC a 40. Acima de 40 é reprovação na certa ! Como está prestes a ser lançado, as juntas já estão se adequando e aceitando caso Glicose, Colesterol e PRESSÃO (e principalmente pressão) estejam normais.

Mas enfim....procure perder peso cara...se tiver MUUUITA dificuldade...o seu caso é indicação para um BIG (Balão Intra gástrico). Em 6 meses você perde 25 Kg e dá uma baixada legal nisso.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Estou na luta aqui. Já eliminei 6kg, ainda faltam mais 9. A meta é começar com 15kg...

 

Como funciona isso, Emanuel? Tô fora de qualquer procedimento cirurgico...

Share this post


Link to post
Share on other sites

Estou na luta aqui. Já eliminei 6kg, ainda faltam mais 9. A meta é começar com 15kg...

 

Como funciona isso, Emanuel? Tô fora de qualquer procedimento cirurgico...

 

é...é um procedimento semi cirúrgico onde colocam um balão preenchido com Azul de metileno no seu estomago o que causa uma restrição física...resumindo, você não consegue comer muito...

é muito seguro e é recomendado para casos de IMC entre 30 e 35.

Você fica de 6 a 8 meses com ele e dependendo do seu esforço e exercícios físicos dá pra perder de 25 a 30 Kg "fácil".

É uma opção...

Share this post


Link to post
Share on other sites

Só para completar, o balão coloca por endoscopia (vazio) e depois que tiver no lugar enchem.

 

Usam azul de metileno pq se furar tu vai mijar azulão uma semana e ai vai saber hehehe

Share this post


Link to post
Share on other sites

Perdi 45kg ao longo de 2 anos e acho absurdo arriscar a vida numa cirurgia pra enfiar um balão no seu corpo em vez de simplesmente ter força de vontade.

 

Pega o custo dela, manda ver numa nutricionista e numa personal de preferência bem gostosa, e gasta o resto num trip report aqui pro CR :)

Share this post


Link to post
Share on other sites

vai em um endocrinologista e em uma nutricionista.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Perdi 45kg ao longo de 2 anos e acho absurdo arriscar a vida numa cirurgia pra enfiar um balão no seu corpo em vez de simplesmente ter força de vontade.

 

Pega o custo dela, manda ver numa nutricionista e numa personal de preferência bem gostosa, e gasta o resto num trip report aqui pro CR :)

 

nem todos os casos dão pra ser resolvidos dessa forma.

Share this post


Link to post
Share on other sites

 

nem todos os casos dão pra ser resolvidos dessa forma.

 

É matematico amigo, tantas calorias ingeridas vs tantas calorias gastas.

 

Se comer muito mais do que gasta....como dizem em Plumenau: fai parrra o pántza =)

Share this post


Link to post
Share on other sites

 

É matematico amigo, tantas calorias ingeridas vs tantas calorias gastas.

 

Se comer muito mais do que gasta....como dizem em Plumenau: fai parrra o pántza =)

 

como estou vendo que você tem muito conhecimento no assunto...

desculpa então! hahahaha

Share this post


Link to post
Share on other sites

 

É matematico amigo, tantas calorias ingeridas vs tantas calorias gastas.

 

Se comer muito mais do que gasta....como dizem em Plumenau: fai parrra o pántza =)

 

 

 

Certíssimo. Não sei porquê o amigo daí de cima riu do que ele falou.

 

 

 

Vou escrever um pouco da minha experiência aqui:

 

Apaixonadão por aviação, sempre soube o que iria fazer. Iniciei a faculdade e só fui correr atrás do CCF no 3o semestre. Na época tinha 1.80 e 112 kgs, um pouco menos que o pessoal aí, e cerca de 19 anos... mas era gordo. Só eu não percebia. MUITO GORDO.

 

Liguei para a base. Liguei tanto para saber sobre minha pressão (andava alta na época) e para informações sobre as taxas. O atendente (um médico) me deu uma lição que não esquecerei. Falou que eu poderia até passar, mas que passaria o resto da vida toda com medo de CCF. E perguntou se era realmente esta a vida que queria levar.

 

Deixei de preguiça e começei a andar na esteira e a malhar, dava vergonha de ir para a academia... corrí na primeira vez 3:30` e quase morrí. Mas continuei. Sempre lembrava do CCF e do que eu iria perder se fosse um preguiçoso. Já diz o ditado, No pain, no gain.

 

Perdí todo o excesso de peso, mudei hábitos.. corro 3x por semana, em torno de 8kms cada vez, me formei.. hoje tenho orgulho do que conseguí, pois foi mais um esforço que precisei fazer para me tornar um piloto.

 

A vida toda muda, até a maneira que as pessoas olham para você muda. Já percebí discriminação com alguns colegas na época do aeroclube. A dica que dô? Vá em médicos, endocrinologístas, mas tenha certeza que se você vai precisar ralar muito com exercícios e passar um pouco de fome (e muita vontade). É uma luta para manter também. Mas no fim, quando você faz o voo de check e tudo se encaixa, tudo vale a pena.

 

Corram atrás e boa sorte!

 

É matematico amigo, tantas calorias ingeridas vs tantas calorias gastas.

 

Se comer muito mais do que gasta....como dizem em Plumenau: fai parrra o pántza =)

Share this post


Link to post
Share on other sites

 

 

 

Certíssimo. Não sei porquê o amigo daí de cima riu do que ele falou.

 

 

 

Vou escrever um pouco da minha experiência aqui:

 

Apaixonadão por aviação, sempre soube o que iria fazer. Iniciei a faculdade e só fui correr atrás do CCF no 3o semestre. Na época tinha 1.80 e 112 kgs, um pouco menos que o pessoal aí, e cerca de 19 anos... mas era gordo. Só eu não percebia. MUITO GORDO.

 

Liguei para a base. Liguei tanto para saber sobre minha pressão (andava alta na época) e para informações sobre as taxas. O atendente (um médico) me deu uma lição que não esquecerei. Falou que eu poderia até passar, mas que passaria o resto da vida toda com medo de CCF. E perguntou se era realmente esta a vida que queria levar.

 

Deixei de preguiça e começei a andar na esteira e a malhar, dava vergonha de ir para a academia... corrí na primeira vez 3:30` e quase morrí. Mas continuei. Sempre lembrava do CCF e do que eu iria perder se fosse um preguiçoso. Já diz o ditado, No pain, no gain.

 

Perdí todo o excesso de peso, mudei hábitos.. corro 3x por semana, em torno de 8kms cada vez, me formei.. hoje tenho orgulho do que conseguí, pois foi mais um esforço que precisei fazer para me tornar um piloto.

 

A vida toda muda, até a maneira que as pessoas olham para você muda. Já percebí discriminação com alguns colegas na época do aeroclube. A dica que dô? Vá em médicos, endocrinologístas, mas tenha certeza que se você vai precisar ralar muito com exercícios e passar um pouco de fome (e muita vontade). É uma luta para manter também. Mas no fim, quando você faz o voo de check e tudo se encaixa, tudo vale a pena.

 

Corram atrás e boa sorte!

Cara minha história é igual a sua! suava de medo do CCF até tomar vergonha na cara!

 

só que eu tenho 1,72m e no 3o semestre da faculdade pesava 123,00...quer encarar hehehehe

 

abrs!

Share this post


Link to post
Share on other sites

 

É matematico amigo, tantas calorias ingeridas vs tantas calorias gastas.

 

Se comer muito mais do que gasta....como dizem em Plumenau: fai parrra o pántza =)

 

Se fosse tão simples assim meu caro o mundo não teria tanto gordo...

 

O buraco é beeeem mais em baixo.

 

Tanto que há muito a OMS deixou de considerar obesidade algo estético (e visto como indisciplina e preguiça) para ver como doença epidêmica

Share this post


Link to post
Share on other sites

Esse papo de caloria ingeridas x caloria queimadas não cola mais..

Tem que ver como vc ingere essas calorias...gorduras saturadas, trans, carboidratos, proteínas....

Nenhum dos casos aqui necessita de balão nem nada pelo q parece... é ter força de vontade, mudar os hábitos e praticar exercícios regularmente..

melhor ainda acompanhar com um nutricionista bom...

Eu perdi em 1 mes 6 kgs, parando de comer besteiras, e mudando hábitos alimentares e correndo....não passei fome e não me senti fraco...pelo contrário....

a minha dica... as 2 primeiras semanas são sofridas...mas dps vc acostuma e ai já era amio !!

Share this post


Link to post
Share on other sites

gente..vcs compreenderam mal...eu falei do B.I.G. mas foi uma opção pro cara...

existem milhares de métodos diferentes com milhares de resultados diferentes...

tem casos, que o psicológico influi...que bom para os que tiveram força de vontade e conseguiram...mas tem gente que não consegue mesmo..enfim...

eu vivo a batalha diária de exercício x calorias x alimentação saudável....mas não é simples assim não gente...podem ter certeza!

Share this post


Link to post
Share on other sites

Emagreci 18 kg sem fazer nenhum exercicio.

Sim, sou muito preguicoso! rs

 

E como fiz pra perder?

Passei comer de 3 em 3 horas (antes beliscava toda hora) e so tomo Coca-Cola aos domingos (antes era refrigerante todos os dias).

 

Era viciado mesmo em refrigerante e massa.

Agora so preciso perder a barriga enorme que sobrou! rs

Share this post


Link to post
Share on other sites

Pessoal e pra quem é magrelo? rs Estou com 1,73 e apenas 51kg, infelizmente não consigo engordar muito, se der alguma coisa que atrapalhe no CCF vou procurar um nutricionista. :S

Share this post


Link to post
Share on other sites

A faixa de IMC aceito no CCF, como já disseram, é bem tolerante. E vou falar que, realmente, acho esse cálculo de IMC bem furado. O cara pode ter uma grande massa muscular, estrutura óssea densa e ter o mesmo IMC de alguém acima do peso. Meu irmão é assim. Ele está com sobre-peso, mas não aparenta ser muito gordo. Mas ele tem a estrutura óssea dele robusta e gordura bem distribuída.

 

vai em um endocrinologista e em uma nutricionista.

 

Fato! Na boa, de nada adianta você fazer exercícios físicos se você tem uma alimentação desregrada ou alguma disfunção de hormônios. Dar o meu exemplo:

 

Durante a facul, eu fazia boxe 3 vezes por semana. Tenho 1,83m e sempre fiquei na faixa dos 82, 83 e 84 kg. Mesmo com o alto consumo energético por hora de atividade. Quando saí e comecei a fazer academia, tive uma orientação nutricional e mesmo, algumas consultas com nutricionista. Passei a fazer alguma alimentação a cada 3 horas (nem que seja 1 barra de cereal, fruta ou um biscoito salgado) e cortei bebida durante a refeição. Diminui frituras tb e melhorei a variedade de tipos de alimento mas continuo comendo algumas porcarias. Mas passei a beber muita água durante o dia - coisa de uns 3-4 litros, a fim de eliminar as toxinas.

 

Academia - digo, esteira/bicicleta por 20 minutos e 1h de musculação não tem o mesmo consumo energético de boxe, mas mesmo assim, eliminei 5 kg em 9 meses. Ah sim, também 3x por semana.

 

Disseram que esta alimentação em intervalos menores ajuda a manter o metabolismo mais acelerado. Assim o corpo consome mais energia e acumula menos nas reservas - também conhecida como gordura.

 

Tem outra coisa que acho que as pessoas se esquecem, mas o maior consumo energético do corpo é em decorrência do próprio metabolismo, para manter as funções vitais e temperatura. Não sei se é esse que chamam de metabolismo basal. Ou seja, até dormindo vc consome calorias. As atividades extras, como trabalhar, se exercitar, andar, etc, só têm o seu consumo energético somado ao metabolismo basal.

 

Não botando por terra o que escrevi - que no fim tem mais uma função de testemunho do que de orientação, mas sou engenheiro, não profissional da área de saúde. Apesar de ter interesse no assunto. Então, prefiro que sigam o que os profissionais da área falam. :thumbsup:

 

Abraços e Feliz Ano Novo!

Share this post


Link to post
Share on other sites

è isso aí pessal.

Posso falar um pouquinho porque sou médico e piloto de vez em quando...

O CCF foi feito para reprovar que tem doença e não que pooode vir a ter doença daqui a 10 anos...

Quem for reprovado porque está com IMC entre 30 e 40 mas com todos os exames de colesterol, glicemia, Teste ergométrico , etc tudo normal, Pode entrar com recurso por que ganha.

Este negócio de pedir parecer de endocrino só porque o cara tá gordo (desde que não seja exageradamente gordo, tipo IMC>40) é pura arbritariedade.

E Balão Intra-Gástrico não é bolinho assim tão simples não. Precisa ter indicação certa e obesidade mórbida pra enfiar isto no estomago. Tem riscos como todo procedimento tem. E não adianta simplesmente achar que descobriu a solução para todos os seus problemas de gordura só com BIG porque depois que tirar volta a obesidade tudo de novo...

É preciso mudar e hábitos alimentares e de cabeça ( o que é muuuito dificil, mas não impossível).

Grande abraço proceis.

E bons voos a todos.

Share this post


Link to post
Share on other sites

×
×
  • Create New...