Jump to content

Aeroporto de Viracopos, em Campinas, lidera número de colisões entre aviões e pássaros


Carlos Augusto

Recommended Posts

Fonte: Publicada em 12/09/2011 às 12h41mO Globo (opais@oglobo.com.br) com EPTV

 

 

Perigo aéreo

 

SÃO PAULO - O Aeroporto de Viracopos, em Campinas, a 94 km da capital, é o primeiro em número de colisões entre pássaros e aviões, segundo relatório do Cenipa (Centro de Investigação e Prevenção de Acidentes) referente a 2010. De acordo com o levantamento, foram registradas 56 colisões no ano passado do total de 74.948 pousos e decolagens realizados no ano passado no aeroporto de Campinas, uma média de 7,47 para cada 10 mil operações. As informações são da EPTV .

 

Apesar da primeira colocação no número de ocorrências, Viracopos é o sétimo em risco de colisões com aves. Nos dois primeiros lugares estão os aeroportos de Joinville e Navegantes, ambos em Santa Catarina, com média de 19,33 e 17,36 ocorrências em cada 10 mil pousos e decolagens.

 

Segundo a assessoria da Infraero, responsável pela infraestrutura e serviços aeroportuários, a empresa faz operações periódicas em conjunto com a Defesa Civil e outros setores da administração municipal, para limpeza de áreas próximas ao Aeroporto de Viracopos. A operação, denominada de Cata-caça, também percorre casas para conscientizar moradores sobre a importância de depositar o lixo corretamente.

 

O relatório do Cenipa, órgão do Ministério da Defesa, mostra que o risco é maior durante a decolagem quando, na maioria das vezes, os pássaros entram no motor do avião.

A pesquisa, feita em 60 aeroportos do país, revelou que, das 1.366 ocorrências registradas em 2010, a maioria (546) foram com animais não identificados, mas 131 foram choques com quero-quero e 91, com urubus.

 

O Aeroporto de Congonhas, em São Paulo, registrou 40 colisões entre os 214.9611 pousos e decolagens realizadas no ano passado, média de 1,86 a cada 10 mil operações, ficando à frente de Guarulhos, com 30 colisões entre as 250.493 operações em 2010, média de 1,20 para cada 10 mil operações.

Link to comment
Share on other sites

Em Joinville, além dos quero-queros nos campos ao lado da pista, entre a cabeceira 15 e a baía há um manguezal que atrai uma diversidade de aves marinhas de grande porte.

Link to comment
Share on other sites

Achei no Youtube um video de um A320 pousando em Joinville em meio a uma revoada de quero-queros.

 

 

Aumentem o volume para ouvir a história do mecânico de CXJ.

Link to comment
Share on other sites

Archived

This topic is now archived and is closed to further replies.

×
×
  • Create New...

Important Information

Saiba os termos, regras e políticas de privacidade