Jump to content

Airplane Crash at Reno Air Race


Rafaelguimaraes

Recommended Posts

http://www.cnn.com/2011/US/09/16/nevada.plane.crash/index.html

 

 

 

 

(CNN) -- "Mass casualties" were reported at an air show after a plane crashed Friday into an area in front of a grandstand at the National Championship Air Races and Air Show in Reno, Nevada, a spokesman for the show told CNN.

Mike Draper said he's been told there are "likely fatalities," but it has not been determined how many or who they may be. The fate of the pilot, who was flying a P-51 Mustang, was not known, he said.

Video from the scene, posted on YouTube, showed a plane plummeting from the sky, sending up clouds of dust and debris.

Shocked spectators rose to their feet.

The P-51 plane, called the "Galloping Ghost," was taking part in a qualifying round in the "unlimited class" division of the air race when it went down around 4:15 p.m. PT Friday, Draper said. The final rounds had been slated for the weekend.

The aircraft was about a lap into the race when the pilot sent out a "Mayday signal" and pulled "out of the lap" before crashing into a box area that is in front of a grandstand at the "very large race field," located about 15 miles north of Reno, Draper said.

"It was clear that (the plane) was pulling up and was in distress," he said.

He added that authorities do not yet know why the aircraft went down.

Besides the Federal Aviation Administration personnel already there to assist the National Transportation Safety Board in any investigation, the show's spokesman said that National Guard members -- who were on-site practicing before the incident -- are helping emergency personnel to clear the area.

"There are people still being escorted out of that area with various injuries," Draper said.

Local fire officials are reporting multiple fatalities and critical injuries, according to Ian Gregor, a spokesman with the FAA.

He said the aircraft did not catch fire, but there was a wide debris field following the crash.

CNN's Mike Ahlers contributed to this report.

 

Link to comment
Share on other sites

Tinha visto um video no a.net mais de perto (o video foi retirado do youtube pelo usuário) e a aeronave simplesmente evaporou. Os feridos, parece, que foram atingidos pelos destroços lançados após o impacto.

Link to comment
Share on other sites

Engraçado é que não houve explosão, não sei como são feitas essas corridas, se todo mundo sai no limite, para voar mais rapido....fato é que não houve chamas, em um impacto como esse, não havendo explosão, é fácil compreender que também não havia combustível...

Link to comment
Share on other sites

Meus prezados:

Show aéreo é palco de tragédia nos EUA

Avião da II Guerra caiu sobre espectadores em Reno, no Estado de Nevada

 

A queda de um avião antigo durante um show aéreo em Reno, no Estado de Nevada, oeste dos EUA, provocou ontem cenas de pânico e deixou pelo menos três mortos – algumas fontes falam em sete, 12 ou mais – e aproximadamente 75 feridos. Entre os mortos confirmados está o piloto da aeronave – um P-51 Mustang datado da II Guerra Mundial –, Jimmy Leeward, 74 anos.

 

As imagens do acidente foram divulgadas por um dos espectadores, que gravou o momento exato da queda e postou o vídeo no YouTube. A emissora de TV local KTVN disse que o avião não caiu diretamente sobre as arquibancadas, como inicialmente se divulgou, mas sim muito próximo delas. Equipes de emergência e militares que atuavam no local retiraram as milhares de pessoas que assistiam ao evento, e os organizadores cancelaram o restante da programação.

 

A americana Maureen Higgins, do Alabama, que assiste ao show há 16 anos, contou que o piloto estava na sua terceira volta quando perdeu o controle do aparelho. Ela estava sentada a cerca de 30 metros do local da queda e viu, horrorizada, um homem a sua frente começar a sangrar após ser atingido na cabeça por um pedaço do avião.

 

– Vi pedaços de corpos e muito sangue, você não acreditaria. Braços, pernas. Não estou brincando – disse.

 

Stephanie Kruse, porta-voz da Autoridade Regional de Serviços Médicos de Emergência, informou que suas equipes levaram 56 feridos a três hospitais da área. Outros, no entanto, não incluídos no cálculo, foram transportados em carros particulares. Dos 56, 15 estavam em condições críticas, 13 com ferimentos graves e potencialmente mortais e outros 28 não corriam risco de vida.

fonte: jornal "Zero Hora" 17 set 2011

Link to comment
Share on other sites

Queda de avião sobre público em corrida aérea deixa mortos nos EUA

 

Acidente ocorreu durante exibição em Reno, no estado de Nevada.

Piloto, de 80 anos, e mais dois morreram, e há ao menos 56 feridos.

 

 

 

 

300x225_eua_tremor_virginia.jpg

A queda de um avião de pequeno porte sobre o público durante uma competição aérea na cidade de Reno, no estado norte-americano de Nevada, matou pelo menos três pessoas e deixou ao menos 56 feridos, segundo as autoridades. A informação inicial era de 75 feridos.

O acidente ocorreu às 16h30 locais desta sexta-feira (16). O piloto e outras duas pessoas que estavam em solo morreram.

Imagens da TV local KRNV-TV mostraram corpos ensanguentados e destroços, em um ambiente de caos.

tv.jpg

Imagem da TV local mostra o público logo após

a queda do avião (Foto: Reprodução de vídeo)

Gravado aparentemente da arquibancada principal, ele mostra o público dizendo "Oh, meu Deus" após a queda da aeronave, que ergueu uma nuvem de fumaça e provocou um incêndio.

Jeff Martinez, homem do tempo da KRNV, estava no local. Ele disse que o avião virou para a direita e então caiu direto, de bico, em direção ao chão.

"A gente via pedaços e partes por todos os lados", disse Martinez. "Ninguém acreditou."

 

Piloto experiente

Mike Houghton, presidente da empresa responsável pela National Championship Air Races, disse que o piloto Jimmy Leeward, de 80 anos, natural de Ocala, no estado da Flórida, morreu no acidente.

Ele era o dono do avião, um caça P-51 Mustang, do tempo da Segunda Guerra Mundial.

Leeward, segundo o empresário, era um piloto experiente, que trabalhou como de dublê em filmes de ficção como "Amélia". Ele voava desde 1975.

piloto.jpg

Jimmy Leeward ao lado do avião com que se acidentou, em foto de 15 de setembro de 2010 (Foto: AP)

 

Kathy Carter, porta-voz do Renown Medical Center, confirmou outras duas mortes no acidente, mas não identificou as vítimas.

Stephanie Kruse, porta-voz do pronto-socorro regional, disse que há 56 pessoas feridas em hospitais -15 delas criticamente e 13 gravemente. Muitos feridos mais leves foram retirados do local em carros particulares, segundo ela.

Autoridades da FAA, agência federal de aviação dos EUA, já estavam no local para averiguar as causas do acidente.

reno.jpg

Feridos são resgatados após o acidente aéreo desta sexta-feira (16) em Reno, Nevadaa (Foto: AP)

 

Segurança questionada

O público foi orientado a deixar o local, e as corridas do fim de semana foram canceladas.

As corridas do gênero acontecem sempre em setembro e atraem grande atenção do público. A segurança dos voos já foi questionada, e quatro pilotos morreram entre 2007 e 2008.

Autoridades escolares chegaram a sugerir que a presença de crianças nas corridas fosse proibida.

A competição é como uma corrida de carros no céu, disputada em circuitos ovais. Os pilotos chegam a dar rasantes a 15 metros do solo e atingem velocidades de até 220 quilômetros por hora.

 

 

g1

Link to comment
Share on other sites

Triste...

 

O cara perdeu o stab que fica no profundor esquerdo, isso normalmente, nessa velocidade, levar a flutter e perda de controle.

 

O cara caiu feito uma bomba!

 

Impressionante. Ele já estava com 74 anos e ainda corria.

 

Abraço,

 

Sydy

Link to comment
Share on other sites

Meus prezados:

Veja o Vídeo: Piloto de acidente em show de acrobacia tentou livrar plateia

Um acidente acabou com o espetáculo de acrobacias aéreas realizado durante o Campeonato Nacional de Corridas Aéreas, nesta sexta-feira (16) nos EUA. Aproximadamente 8 mil pessoas assistiam ao show quando um piloto de 74 anos de idade perdeu o controle da aeronave e caiu próximo à plateia.

 

O evento acontece na cidade de Reno, no estado norte-americano de Nevada. Inicialmente agências de notícias chegaram a noticiar que o avião teria caído sobre o público, causando mais de 50 mortes. Mas, na verdade, o choque foi próximo a uma das arquibancadas.

Testemunhas disseram que o piloto perdeu o controle do avião no ar e tentou desviar o máximo possível dos espectadores.

 

Até agora, além dele, mais duas mortes foram confirmadas pelas autoridades. Mais de 50 pessoas foram resgatadas com ferimentos e desse tottal, 15 estavam em estado grave com risco de morte.

Segundo as autoridades locais, não é possível determinar o número exato de feridos porque muitas pessoas levaram as vítimas aos hospitais em carros particulares.

 

Jimmy Leeward, de 74 anos, era um piloto experiente e conhecido no mundo das acrobacias. Ele já havia participado de inúmeras filmagens como dublê. De acordo com representantes do evento, Leeward estava com os exames médicos em dia e apto a voar.

 

A causa do acidente com o P-51 Mustang, um avião da Segunda Guerra Mundial (1939-1945), ainda não foi esclarecida. Autoridades locais anunciaram a abertura de uma investigação para entender o que houve, já que o avião não apresentava indicações de problemas mecânicos.

http://www.youtube.com/watch?v=JDQo53xLQBU&feature=player_embedded

 

Link to comment
Share on other sites

Caramba.. a zica está solto por lá....

 

Avião cai e explode durante exibição na Virgínia Ocidental, nos EUA

 

Ainda não há informações sobre mortos na queda do monomotor T-28.

Na sexta (16), outro acidente matou pelo menos nove em Nevada.

 

 

Um avião da época da Segunda Guerra Mundial caiu neste sábado (17) durante um show aéreo na cidade de Martinsburg, no estado norte-americano da Virgínia Ocidental, que fica no leste do país.

 

O piloto, cujo nome não foi divulgado, morreu. Nenhum espectador foi atingido pela queda, que aconteceu durante a exibição "Thunder Over the Blue Ridge".

 

Na sexta, outro acidente tinha acontecido durante uma exibição aérea nos EUA. Pelo menos nove pessoas morreram quando um avião caiu sobre espectadores de uma corrida, na cidade de Reno, em Nevada.

 

link: http://g1.globo.com/...al-nos-eua.html

Link to comment
Share on other sites

fato é que não houve chamas, em um impacto como esse, não havendo explosão, é fácil compreender que também não havia combustível...

eugenio, um impacto com essa violência, ainda mais de um avião de combate, não ter explosão do combustivel é irrelevante para determinar se tinha ou não combustível ou não.

Link to comment
Share on other sites

Reno_pic_big.jpg

 

 

 

On the heels of the news that two more spectators have died in the Reno air crash, bringing the toll to 11 victims, NTSB investigators have announced that they discovered that the accident airplane was outfitted with telemetry and an outward-facing video camera. On Sunday accident investigators found the camera, along with, more importantly, its data card, at the crash site. Investigators have not said what clues they hope to learn if technicians can recover video from the card.

 

It does seem clear, however, telemetry information, which NTSB officials said included aircraft health information, could add critical details needed to piece together a complete picture of what happened to Jimmy Leeward’s airplane in those fateful last moments.

 

A few hints of just how crucial the data from Leeward’s airplane might be emerged Monday when a few details from the telemetry information were reported by a crewmember of a different airplane. They included an 11-G pull up, the temporary loss of power at the top of the climb (presumably as the fuel was interrupted) and then the resumption of power as the airplane started back down. The data also showed that the engine was putting out very high power all the way down.

 

Another incident in another highly modified Mustang involving the racer Voodoo back in 1998 has also come to the NTSB’s attention. In that incident, pilot Bob Hannah was racing on the back side of the course when the airplane lost a trim tab. Voodoo immediately pitched up at what Hannah estimated as more than 10 Gs, at which point he lost consciousness. By the time he came to, Voodoo had climbed to 9,000 feet, and he was able to bring the airplane back in for an uneventful landing. A third Mustang event, the fatal crash of Miss Ashley II a year later, was determined by the NTSB to have been caused most probably by flutter. That highly modified P-51 disintegrated in flight, killing pilot Gary Levitz.

 

Emerging on Monday was new video shown by NBC on its Today show, showing new, disturbing footage of Leeward’s mustang crashing into the crowd.

 

The NTSB says that it plans to release a factual report on the crash on Friday.

 

Fonte: Flyingmag

Link to comment
Share on other sites

  • 11 months later...

Prezados,

 

Saiu o relatório do acidente:

 

Fazendo um resumo...

 

Transportation Safety Board determined today that deteriorated locknut inserts found in the highly modified North American P-51D airplane that crashed during the 2011 National Championship Air Races in Reno, Nevada,allowed the trim tab attachment screws to become loose, and even initiated fatigue cracking in one screw. This condition, which resulted in reduced stiffness in the elevator trim system, ultimately led to aerodynamic flutter at racing speed that broke the trim tab linkages, resulting in a loss of controllability and the eventual crash.

 

Lamentável, mas pelo menos chegaram à causa!

 

Abcs,

 

Sydy

Link to comment
Share on other sites

Conversei com um investigador do NTSB em Oshkosh, e ele especificamente trabalhou na investigação.

Disse que o avião tinha sido tão modificado em termos de handling, que várias vezes foi reportado pelo piloto, situações de "overcontrol".

Com fotos tiradas no dia, ele me mostrou nos fotogramas, a hora que ele simplesmente desapareceu na foto, pela altíssima carga G, a posição da cabeça, em zoom da foto, a hora que soltou o stab, enfim, N detalhes que ele me explicou pacientemente....

Overcontrol + altíssima velocidade = carga G muito forte, desproporcional até, pela intensidade que ela aparece, e pelo tempo que é aplicada. Portanto, soltar o stab trim foi uma consequência desse sintoma da aeronave.

 

Incrível que as fotos + cálculos de velocidade + comparação com outras fotos + análise da posição do piloto dentro do cockpit+ etc..

 

Deu uns 20 min de conversa no stand do NTSB.

 

Ganhei + 20 min de vida, na minha vida.

 

Papo daqueles pro resto da vida, que acrescenta.

 

Um abraço.

Link to comment
Share on other sites

Thiago,

 

Os caras do NTSB são sensacionais e é só vc começar a perguntar sobre qualquer coisa que o papo vira aula. Esse ano estou com uma chance boa de ir pra Reno. Será meio de setembro agora. Vamos ver se faço umas fotinhos por lá.

 

Abração,

 

Sydy

Link to comment
Share on other sites

Archived

This topic is now archived and is closed to further replies.

×
×
  • Create New...

Important Information

Saiba os termos, regras e políticas de privacidade