Jump to content

Avião da TAM faz pouso de emergência em MT


Fabio Xap

Recommended Posts

Terça, 21 de novembro de 2006, 20h20

Avião da TAM faz pouso de emergência em MT

 

Um avião da TAM fez um pouso de emergência nesta terça-feira no Aeroporto Internacional Marechal Rondon, em Várzea Grande (MT). A falha aconteceu logo depois da decolagem, segundo a Globonews.

Testemunhas disseram que viram fumaça na turbina esquerda da aeronave. O Fokker 100 faria o vôo 3805 com destino ao Aeroporto Internacional de São Paulo, em Guarulhos (SP), e com escala em Campo Grande (MS).

Terra

Link to comment
Share on other sites

Falha mecânica causou problema no Fokker da TAM

 

 

Da Agência Estado

 

22/11/2006

14h30-O pouso de emergência que o Fokker 100 da TAM teve de fazer na terça-feira no aeroporto Marechal Rondon, em Várzea Grande, região metropolitana de Cuiabá, foi provocado por uma falha mecânica. Segundo a Infraero, uma mangueira do sistema de freios hidráulicos da aeronave se rompeu, provocando a volta do avião para a pista logo após a decolagem, por volta de 17h30. O avião seguia para São Paulo e levava 103 passageiros.

 

O pouso do vôo 3805 foi feito com o auxílio dos freios de apenas uma das rodas com os freios aerodinâmicos - os chamados reversos segundo a Infraero. Testemunhas que estavam no aeroporto disseram ter visto fumaça na turbina esquerda do avião após a decolagem. "Dava para perceber nitidamente que havia fumaça quando o avião partia para a decolagem", disse o advogado Manoel Teixeira, que havia embarcado uma amiga em outro vôo da Gol.

 

Com o susto, alguns passageiros acabaram desistindo de embarcar, segundo informações de funcionários da empresa TAM, enquanto outros foram reacomodados em outras aeronaves. O Corpo de Bombeiros, que foi acionado para rebocar o avião, informou que houve vazamento de óleo hidráulico. Após a lavagem da pista, o avião decolou com uma hora de atraso.

Link to comment
Share on other sites

Que chegue logo 1 de janeiro de 2007... esse ano está realmente terrível !

 

Ainda bem que pousou em segurança.

 

Felipe

 

Eu penso isso todos os dias Lipe, realmente foi um ano péssimo para a aviação..

 

O detalhe bem no ano do centenário

Link to comment
Share on other sites

Savio, boa noite

 

Pq vc diz q "ainda bem q a TAM irah substituir os F100"?

 

Pow eh uma EXCELENTE acft em relacao ao custo de voo, com 24/27 pax ele tah pagando o voo.....

 

Eu jah voei no F100 e VOARIA de novo, pq jah trabalhei com ele na epoca q trabalhaie na representacao da TAM aqui em REC e acho uma p### acft.

 

Pena q a midia destruiu este excelente acft.

 

SDS

RAFAEL CRUZ - SBRF

Link to comment
Share on other sites

Savio, boa noite

 

Pq vc diz q "ainda bem q a TAM irah substituir os F100"?

 

Pow eh uma EXCELENTE acft em relacao ao custo de voo, com 24/27 pax ele tah pagando o voo.....

 

Eu jah voei no F100 e VOARIA de novo, pq jah trabalhei com ele na epoca q trabalhaie na representacao da TAM aqui em REC e acho uma p### acft.

 

Pena q a midia destruiu este excelente acft.

 

SDS

RAFAEL CRUZ - SBRF

 

 

Boa noite, Rafael!

 

Estou feliz sim porque a TAM irá substituir os F-100, mas isso não quer dizer que eu não goste da aeronave.

Acho uma aeronave muito boa também, porém, na minha opinião, é uma aeronave muito vulnerável a acidentes, como esse que ocorreu, o que ocasionou o pouso de emergência e Mato Grosso.

 

Bom, é isso!

 

Abraços!

Link to comment
Share on other sites

Falha mecânica causou problema no Fokker da TAM

Da Agência Estado

 

22/11/2006

14h30-O pouso de emergência que o Fokker 100 da TAM teve de fazer na terça-feira no aeroporto Marechal Rondon, em Várzea Grande, região metropolitana de Cuiabá, foi provocado por uma falha mecânica. Segundo a Infraero, uma mangueira do sistema de freios hidráulicos da aeronave se rompeu, provocando a volta do avião para a pista logo após a decolagem, por volta de 17h30. O avião seguia para São Paulo e levava 103 passageiros.

 

O pouso do vôo 3805 foi feito com o auxílio dos freios de apenas uma das rodas com os freios aerodinâmicos - os chamados reversos segundo a Infraero. Testemunhas que estavam no aeroporto disseram ter visto fumaça na turbina esquerda do avião após a decolagem. "Dava para perceber nitidamente que havia fumaça quando o avião partia para a decolagem", disse o advogado Manoel Teixeira, que havia embarcado uma amiga em outro vôo da Gol.

 

Com o susto, alguns passageiros acabaram desistindo de embarcar, segundo informações de funcionários da empresa TAM, enquanto outros foram reacomodados em outras aeronaves. O Corpo de Bombeiros, que foi acionado para rebocar o avião, informou que houve vazamento de óleo hidráulico. Após a lavagem da pista, o avião decolou com uma hora de atraso.

Não sabia que a Infraero agora faz manutenção de aeronaves, novidade isso pra mim!! :thumbsdown_still: :thumbsdown_still:

Ao invés de ficar se metendo onde não é da sua competência deveria se preocupar com coisas que lhe dizem respeito e deixar que os responsáveis se pronuciem sobre o assunto.

Link to comment
Share on other sites

O pouso do vôo 3805 foi feito com o auxílio dos freios de apenas uma das rodas com os freios aerodinâmicos - os chamados reversos segundo a Infraero.

 

Freio de uma das rodas?? Freio aerodinâmico? Reverso? Pára-quedas??? Ou será que pousou e jogou a âncora? :uhm:

 

O Corpo de Bombeiros, que foi acionado para rebocar o avião, informou que houve vazamento de óleo hidráulico. Após a lavagem da pista, o avião decolou com uma hora de atraso.

 

Ah tá!

Só falta dizer que os Bombeiros fazem pushback, serviço de rampa, etc.. :suicide_anim:

 

Me poupem dessas notícias "especializadas".

 

Alguem de CGB pra dizer o que realmente aconteceu?

 

Sds!

Link to comment
Share on other sites

Archived

This topic is now archived and is closed to further replies.

Guest
This topic is now closed to further replies.
×
×
  • Create New...

Important Information

Saiba os termos, regras e políticas de privacidade