Jump to content

Archived

This topic is now archived and is closed to further replies.

jambock

EMBRAER apoia funcionários inovadores

Recommended Posts

Meus prezados:

ried.gif

Coluna Guilherme Barros

 

Inovação

Luz verde

PARA estimular a inovação, a Embraer lançou o projeto Green Light, que permite que funcionários com ideias que possam gerar novos negócios tenham até 100% de seu tempo de trabalho liberado para se dedicar ao desenvolvimento dos projetos, e até um aporte de verbas da empresa, se necessário. As ideias são apresentadas a uma banca técnica, em formato similar a uma banca de tese.

fonte: CECOMSAER 27 ago 2012

Share this post


Link to post
Share on other sites

Isso aí chamava "Embraer Boa Idéia" na época que trabalhei lá.

 

Teve um cara que fez uma "coisa" que permitiu economizar 2 milhões de reais por mês e ganhou no fim do ano um prêmio de 1500 reais mais um brochinho!!

 

O mais legal é que na revistinha interna da embraer publicavam isso como se a embraer fosse a empresa mais boazinha do mundo!

Share this post


Link to post
Share on other sites

Isso aí chamava "Embraer Boa Idéia" na época que trabalhei lá.

Teve um cara que fez uma "coisa" que permitiu economizar 2 milhões de reais por mês e ganhou no fim do ano um prêmio de 1500 reais mais um brochinho!!

O mais legal é que na revistinha interna da embraer publicavam isso como se a embraer fosse a empresa mais boazinha do mundo!

Isso é que eu chamo de valorizar o funcionário.

Uma curiosidade: o funcionário não poderia ter patenteado sua descoberta e, após, vendê-la para a EMBRAER?

Share this post


Link to post
Share on other sites

Prezados,

 

É uma situação complexa, pois são tantas as idéias que eles as rankeiam. dependendo da colocação pelo valor agregado, varia o prêmio pecuniário. O funcionário entra com a idéia e a empresa dá a equipe para viabilizar a mesma. Patentear? Poderia até ser, mas acho que pra vender de volta ele teria que sair da empresa. Sei lá.

 

De qqer forma, é um porgrama grande e já vi gente levar essa graninha pra casa. É pouco? depende do ponto de vista.

 

Que a empresa demanda performance, isso demanda.

 

Abcs,

 

Sydy

Share this post


Link to post
Share on other sites

Também tem que levar o aspecto motivacional e de clima, só quem tá lá dentro pode afirmar se o programa surte um efeito positivo - até por que o principal retornável para a empresa é intágivel. Não necessariamente o apelo é financeiro, muitas vezes não é, já que esse sistema é baseado no sistema de inovação japones em que os funcionários propõem diversas melhorias dentro da empressa - com uma recompensa que pode ser pequena até bastante considerável > $50.000,00. A brasilata, SIEMENS e Suzano trabalham muito bem com essa forma de inovação interna, isso a bastante tempo.

 

http://www.embalagemmarca.com.br/2012/08/programa-de-inovacao-da-brasilata-completa-25-anos-e-1-milhao-de-ideias/

Share this post


Link to post
Share on other sites

lipessa,

 

Vc está certo. Se não fosse um programa de sucesso, não teria a participação maciça que tem.

 

Abcs,

 

Sydy

Share this post


Link to post
Share on other sites

Se voce quer inovar dentro de empresa buscando $$$ pode ficar esperando. O conceito de inovação se baseia no progresso, os frutos se colhem de outra maneira. Indicações, plano de carreira acelerado, investimento em treinamento e recolocação interna.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Isso aí chamava "Embraer Boa Idéia" na época que trabalhei lá.

 

Teve um cara que fez uma "coisa" que permitiu economizar 2 milhões de reais por mês e ganhou no fim do ano um prêmio de 1500 reais mais um brochinho!!

 

O mais legal é que na revistinha interna da embraer publicavam isso como se a embraer fosse a empresa mais boazinha do mundo!

 

Quando trabalhei lá, inclusive também numa área, no ano de 2001, que era responsável pela avaliação das idéias, comentei isto, que a recompensa era ridícula, perto do ganho que algumas ideias geravam.

 

Sugeri então que se fizesse como numa outra empresa que trabalhei, que a recompensa era uma porcentagem do ganho que a ideia traria em um ano. Isto trazia uma motivação muito maior, porque o funcionário poderia estar diante da oportunidade de conseguir a independência financeira, pois haviam idéias de dezenas de milhões, o que podia fazer com que o funcionário virasse milionário com sua ideia.

 

O lance era o seguinte: Qual o problema da empresa pagar milhões pela idéia de um funcionário? Se ele não desse a ideia a empresa não economizaria as dezenas de milhões.

 

Mas tem gente/empresa que tem a mentalidade tão mesquinha...

 

Bom, meu irmão deu duas idéias que economizaram dezenas de milhares de dólares e uma delas parece que ultrapassou a casa das centenas de milhares. Sabem o que ele ganhou? Uma caixa térmica e uma ida ao teatro em São Paulo.

AH! Pelo amor de Deus né?

 

 

 

Isso é que eu chamo de valorizar o funcionário.

Uma curiosidade: o funcionário não poderia ter patenteado sua descoberta e, após, vendê-la para a EMBRAER?

Prezados,

É uma situação complexa, pois são tantas as idéias que eles as rankeiam. dependendo da colocação pelo valor agregado, varia o prêmio pecuniário. O funcionário entra com a idéia e a empresa dá a equipe para viabilizar a mesma. Patentear? Poderia até ser, mas acho que pra vender de volta ele teria que sair da empresa. Sei lá.

De qqer forma, é um porgrama grande e já vi gente levar essa graninha pra casa. É pouco? depende do ponto de vista.

Que a empresa demanda performance, isso demanda.

Abcs,

Sydy

 

Olha, dizer que o programa é um sucesso, é relativo.

Cansei de ver lá muita ideia não sendo sugerida, justamente pelo funcionário não estar motivado com os prêmios. Os caras diziam: "O que? Eu vou economizar um dinheirão, e ganhar um faqueirinho? Vá se Da...ar.

Claro, muita gente dá a ideia, não tanto pelo prêmio, que é ridículo na maioria das vezes (Lembre-se que os prêmios em dinheiro são restritos a um úmero "X" das primeiras idéias melhor qualificadas), mas mais pelo status, pelo reconhecimento.

 

Quanto a patentear a ideia não pode, nem mesmo se pedir demissão e fazer a coisa depois, porque todo funcionário assina um termo, e tem algo na CLT também, que tudo que o funcionário fizer de invento/ideia encima do seu trabalho, é de propriedade intelectual da empresa. E quando sai, assina um termo que não poderá usar os conhecimentos da tecnologia restrita da empresa. É complicado.

 

abç

Share this post


Link to post
Share on other sites

Verdade, ao assinar o contrato de trabalho da Embraer, vc vende a sua alma!

 

TUDO que você fizer, mesmo que seja no fim de semana, na sua casa e não relacionado a aviação, não pertence a você, mas sim a Embraer.

 

:mellow:

Share this post


Link to post
Share on other sites

Verdade, ao assinar o contrato de trabalho da Embraer, vc vende a sua alma!

 

TUDO que você fizer, mesmo que seja no fim de semana, na sua casa e não relacionado a aviação, não pertence a você, mas sim a Embraer.

 

:mellow:

 

É muito fácil mentir assim...

 

Trabalhei lá, ganhei 10.000 reais com uma boa idéia, além do mais tenho duas patentes em meu nome... Sim, o que vc faz dentro da empresa pertence a ela... afinal vc vendeu seu "tempo" para ela, e usou recursos dela.

 

Quando vc está em casa e fizer algo... a empresa não tem nenhum controle. Então não inventa o que não existe.

 

Quanto ao prêmio ser pequeno, acho isso relativo. Quanto a ganhar uma porcentagem do que se economiza para a empresa, isso também é complicado, pois muitas idéias trazem ganhos intangíveis. Veja bem, os ganhos das idéias são calculados por quem as dá. Uma comissão avalia se os ganhos indicados são coerentes apenas.

 

Pode não parecer justo, mas funciona e são centenas de idéias todos os meses. Sim, existem pessoas (burras) que deixam de dar idéias porque acham o prêmio pequeno... e daí... azar delas. Outra pessoa vai lá, dá a mesma idéia e fatura.

 

Esse pensamento seu aí parece mais coisa de sindicalista desocupado.

 

Sds,

Ozires

Share this post


Link to post
Share on other sites

 

É muito fácil mentir assim...

 

Trabalhei lá, ganhei 10.000 reais com uma boa idéia, além do mais tenho duas patentes em meu nome... Sim, o que vc faz dentro da empresa pertence a ela... afinal vc vendeu seu "tempo" para ela, e usou recursos dela.

 

Quando vc está em casa e fizer algo... a empresa não tem nenhum controle. Então não inventa o que não existe.

 

Quanto ao prêmio ser pequeno, acho isso relativo. Quanto a ganhar uma porcentagem do que se economiza para a empresa, isso também é complicado, pois muitas idéias trazem ganhos intangíveis. Veja bem, os ganhos das idéias são calculados por quem as dá. Uma comissão avalia se os ganhos indicados são coerentes apenas.

 

Pode não parecer justo, mas funciona e são centenas de idéias todos os meses. Sim, existem pessoas (burras) que deixam de dar idéias porque acham o prêmio pequeno... e daí... azar delas. Outra pessoa vai lá, dá a mesma idéia e fatura.

 

Esse pensamento seu aí parece mais coisa de sindicalista desocupado.

 

Sds,

Ozires

 

quer que eu scaneie a cópia do antigo contrato?

 

desculpe pela sinceridade, mas se alguém mente aqui, esse alguém é você.

Share this post


Link to post
Share on other sites

 

É muito fácil mentir assim...

 

Trabalhei lá, ganhei 10.000 reais com uma boa idéia, além do mais tenho duas patentes em meu nome... Sim, o que vc faz dentro da empresa pertence a ela... afinal vc vendeu seu "tempo" para ela, e usou recursos dela.

 

Quando vc está em casa e fizer algo... a empresa não tem nenhum controle. Então não inventa o que não existe.

 

Quanto ao prêmio ser pequeno, acho isso relativo. Quanto a ganhar uma porcentagem do que se economiza para a empresa, isso também é complicado, pois muitas idéias trazem ganhos intangíveis. Veja bem, os ganhos das idéias são calculados por quem as dá. Uma comissão avalia se os ganhos indicados são coerentes apenas.

 

Pode não parecer justo, mas funciona e são centenas de idéias todos os meses. Sim, existem pessoas (burras) que deixam de dar idéias porque acham o prêmio pequeno... e daí... azar delas. Outra pessoa vai lá, dá a mesma idéia e fatura.

 

Esse pensamento seu aí parece mais coisa de sindicalista desocupado.

 

Sds,

Ozires

 

 

Ozires,

 

Se do jeito que está, tem centenas de idéias. Se o prêmio fosse maior então...

 

E Ozires, burro pra mim não é o cara que fica ##### e não dá uma BOA ideia a troco de uma bolsa térmica, mas sim a Empresa que perde a boa ideia por mesquinharia.

 

Abç

Share this post


Link to post
Share on other sites

 

quer que eu scaneie a cópia do antigo contrato?

 

desculpe pela sinceridade, mas se alguém mente aqui, esse alguém é você.

 

Por favor.... escaneie então.

 

Ozires

Share this post


Link to post
Share on other sites

 

 

Ozires,

 

Se do jeito que está, tem centenas de idéias. Se o prêmio fosse maior então...

 

E Ozires, burro pra mim não é o cara que fica ##### e não dá uma BOA ideia a troco de uma bolsa térmica, mas sim a Empresa que perde a boa ideia por mesquinharia.

 

Abç

 

O prêmio poderia ser maior... claro, sempre pode. Mas vincular o prêmio ao que a idéia dá de retorno é complicado em certos casos.

 

É bom lembrar que o programa tem uma escala de prêmios que vai de 10.000 reais até os tais prêmios que vc classifica como ridículos (a tal bolsa térmica).

 

Semestralmente as idéias aprovadas são ranqueadas e então classificadas para recebimento dos prêmios.

 

Então quem não posta a idéia, não concorre a ser classificada como a melhor do semestre. Os seja, se vc tem uma boa idéia, não a cadastra... então não concorre aos 10.000 mil. E 10 mil pra mim faz uma boa diferença viu.

 

Bem, independente do prêmio ser bom, dar uma boa idéia e a implementar traz uma série de outros benefícios, como o reconhecimento dos superiores e pares, simplificação do trabalho, e ganhos para a empresa (no fundo a está tornando cada vez mais competitiva), e em última instância está ajudando a garantir seu emprego no futuro.

 

Então se o cara tem uma boa idéia... deveria externá-la e implementar esta idéia.... mesmo que não houvesse um programa boa idéia e que não existissem prêmios.

 

Continuo achando que o cara que tem uma boa idéia e a guarda só para si é um idiota!!!

 

Sds,

Ozires

Share this post


Link to post
Share on other sites

 

O prêmio poderia ser maior... claro, sempre pode. Mas vincular o prêmio ao que a idéia dá de retorno é complicado em certos casos.

 

É bom lembrar que o programa tem uma escala de prêmios que vai de 10.000 reais até os tais prêmios que vc classifica como ridículos (a tal bolsa térmica).

 

Semestralmente as idéias aprovadas são ranqueadas e então classificadas para recebimento dos prêmios.

 

Então quem não posta a idéia, não concorre a ser classificada como a melhor do semestre. Os seja, se vc tem uma boa idéia, não a cadastra... então não concorre aos 10.000 mil. E 10 mil pra mim faz uma boa diferença viu.

 

Continuo achando que o cara que tem uma boa idéia e a guarda só para si é um idiota!!!

 

Sds,

Ozires

 

Ozires, se o cara dá uma idéia, digamos, de 10 milhões de economia, dar 10 mil pro cara não faz nem cosquinha. E já ví gente até falando em dar ideia para um terceiro de fora vender pra Embraer, pra dividir a grana.

Poderiam ranquear para o prêmio de 10 mil somente aquelas em que o ganho é intangível, ou não-financeiro.

Por exemplo: Uma ideia que vai melhorar a segurança, diminuindo o risco de acidentes. O ganho financeiro com isso é meio difícil de medir, de maneira que este tipo de ideia poderia ir pro rankeamento para o prêmio de 10 mil.

Já o cara que dá ideia de uma modificação de um determinado equipamento, que economizará, por exemplo, 10 milhões de dolares por ano para empresa em matérias primas. Porque não dar 1 milhão pro cara?

 

É só isso que eu acho, e já vi praticarem em outra empresa. Não tô inventando nada.

Share this post


Link to post
Share on other sites

×
×
  • Create New...

Important Information