Jump to content

Aeroporto JK terá sistema de manuseio de bagagem automatizado


Recommended Posts

Aeroporto JK terá sistema de manuseio de bagagem automatizado

 

O Aeroporto Internacional Juscelino Kubistchek terá um novo e moderno sistema de manuseio e movimentação de bagagem automatizado para a Copa do Mundo. O Consórcio Inframerica contratou a Vanderlande, empresa líder no segmento com mais de 60 anos de experiência e atuação em aeroportos como Paris Charles de Gaulle Airport, London Heathrow Airport, Barcelona El Prat Airport, Amsterdam Airport Schiphol, dentre outros.

 

O sistema projetado será completamente automatizado e substituirá todo o sistema atual. Na pratica, isso significa o seguinte: quando o passageiro deixar sua mala no check in, ela entrará numa rede de esteiras automatizadas com rastreamento de bagagem em todo o seu percurso.

 

Além de agilizar todo o processo, o novo sistema também reduz a possibilidade de bagagens extraviadas, já que todas passarão por leitores ópticos, responsáveis por encaminhá-las de acordo com as informações do voo na etiqueta. O processo permite identificar o dono da bagagem com as respectivas informações de voo em qualquer ponto do transporte. Todas as bagagens serão inspecionadas por equipamento de raio-x integrados às linhas de transporte e que atuarão automaticamente desviando a bagagem suspeita para que seja inspecionada pelas autoridades responsáveis.

 

“Rapidez, eficiência e atendimento ao passageiro foram as premissas consideradas. Todos os processos são integrados de maneira a se obter melhor logística possível para as necessidades do aeroporto. No caso de Brasília, temos que considerar que quase metade das bagagens vem de voos de conexão e isso gera necessidades específicas que o sistema terá total capacidade de atender de forma inteligente. Quando em funcionamento, o Aeroporto JK terá um sistema de bagagens dos mais eficientes do Brasil”, destaca Antônio Droghetti Neto, diretor executivo do Consórcio Inframérica.

 

A fabricação do sistema já foi iniciada e sua instalação está prevista para começar em julho de 2013. Para o passageiro, a novidade mais visível serão as esteiras inclinadas nas áreas de desembarque, que proporcionam maior conforto para retirada das bagagens. No total, serão 12 novas esteiras, divididas em sete carrosséis inclinados e cinco planos. Todo o sistema será gerenciado por meio de um centro de controle que funcionará 24 horas por dia.

 

Fonte: Consórcio Inframerica

 

Fonte: http://www.clicabrasilia.com.br/site...zado&id=464960

Link to comment
Share on other sites

A Inframérica segue fazendo o arroz com feijão, que nas terras tupiniquins, parece coisa de outro planeta, dado o benchmark Infraero. Na boa, se eles pretendem transformar o JK em um HUB de verdade, um sistema automático de transporte de bagagens é o mínimo que o operador deveria oferecer. Torna tudo mais simples, rápido, seguro e barato para as cias.

Link to comment
Share on other sites

Archived

This topic is now archived and is closed to further replies.

×
×
  • Create New...

Important Information

Saiba os termos, regras e políticas de privacidade